domingo, 8 de janeiro de 2017

08 de janeiro dia dos Santos Teófilo e Heládio,mártir.



 Os Santos Teófilo e Heládio, queimados na África por perseguidores romanos.  Os Santos Mártires Teófilo diácono, e Heládio, na Líbia, que foram pela primeira vez desfiado em acoites, em seguida, feridos com fragmentos de cacos  de cerâmica agudísimos em todo o corpo e, finalmente, jogada no fogo e entregaram suas almas para Deus.

 Segundo Santo Agostinho: “Não é a morte que, por si só, faz o mártir, mas a causa pela qual a pessoa for morta”.
O verbete “Mártir” vem do grego e significa testemunha, por sua vez “martírio”  é a ação de quem sofre e dá testemunho da verdade cristã, marcada com o sangue, que alcança o sacrifício da própria vida. Qualquer homem ou mulher, e mesmo as crianças, podem ser mártires, diante de um sofrimento em que são triturados e são identificados com o Cristo, que é o “mártir dos mártires”. Há vitória no martírio, todo mártir recebe o nome de 'Victor', o vencedor. Nos primeiros tempos do Cristianismo, eram os Apóstolos e os primeiros discípulos que derramaram seu sangue para dar testemunho do Cristo e não apostasiar a fé. Existem diversas formas de alcançar o martírio, como através de uma corajosa defesa de virtudes como a castidade, a caridade, a justiça, entre outras que são valores inerentes ao Cristo. Por excelência, a coragem é a virtude própria do mártir, mesmo diante do risco de morte não capitula, não retrocede, não desanima. um ato de virtude pode merecer a recompensa da bem-aventurança eterna. Ora, esta recompensa se deve ao martírio, conforme a palavra do Evangelho: “Felizes aqueles que sofrem perseguição pelo amor da justiça, porque deles é o Reino dos Céus (Mt 5, 10). Logo, o martírio é um ato de virtude.


Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário.