segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Comentários Eleison - por Dom Williamson CDXXX (480) - (24 de setembro de 2016):

 


BELO QUEIJO


Quanto mais saborosa é a isca colocada no anzol por seus inimigos,    
Mais o pobre peixe se deixa enganar e os toma por amigos.


Na Austrália, há apenas um mês, o Superior Geral da Fraternidade São Pio X pintou um retrato radiante de sua – como ele espera – sujeição iminente da Fraternidade aos oficiais da Roma Conciliar. De um longo discurso, eis aqui algumas observações importantes que ele fez, resumidas ou citadas na íntegra (em itálico):

[. . . ] Roma está oferecendo-nos uma nova estrutura. À sua frente estará um bispo, escolhido pelo Papa de uma lista de três membros da Fraternidade, nomeados pela Fraternidade. Ele terá autoridade sobre os sacerdotes, sobre qualquer religioso que queira aderir à nova estrutura, e sobre os católicos que pertençam à nova estrutura. Estes terão um direito absoluto a receber dos sacerdotes da Fraternidade todos os sacramentos, incluindo o do matrimônio. Esse bispo estará capacitado para fundar escolas e seminários, para ordenar (padres), para estabelecer novas Congregações religiosas. A estrutura será como uma superdiocese, independente de todos os bispos locais. Em outras palavras, para vocês, fiéis, não haverá nenhuma mudança no que vocês já estão desfrutando com a Fraternidade. A única diferença será que vocês estarão reconhecidos oficialmente como católicos.

Vocês podem facilmente imaginar que haverá confrontos com os bispos locais. Então, teremos de ser prudentes, mas do modo como as coisas estão agora vocês não podem imaginar nada melhor do que essa oferta, que é de tal forma que vocês não podem achar que se trate de uma armadilha. Não é uma armadilha, e se alguém nos faz uma oferta assim só pode ser porque nos quer bem. Ele quer que a Tradição prospere e floresça dentro da Igreja. É impossível que uma oferta como essa possa vir de nossos inimigos.  Eles têm muitos outros modos de esmagar-nos, mas não dessa maneira [. . . ].

As observações aqui destacadas em negrito exigem comentários:

* Uma "nova estrutura" presumivelmente significa que a estrutura de Dom Lefebvre para a Fraternidade será, essencialmente, abandonada. Roma está criando uma entidade completamente nova. Adeus, querida FSSPX.

* Um "bispo escolhido pelo Papa" é extremamente importante. E o líder da "nova estrutura", será presumivelmente escolhido pelo Papa. Perguntem à Fraternidade São Pedro o que isso significa. Significou nos anos de 1990 que a sua própria eleição para Superior Geral foi sendo anulada por Roma, até que a própria eleição de Roma foi instalada à força (Padre. A. D.), para manter a São Pedro obediente.

* Note também como esse bispo estará capacitado a "ordenar (padres)", mas não bispos. Roma conservará assim o chicote à mão sobre a nova entidade.

* "Não haverá nenhuma mudança"? Mas é claro que haverá! Roma estará a partir de então no controle.

* "Vocês estarão reconhecidos oficialmente" – mas, que católico precisa de qualquer reconhecimento por tais destruidores da Igreja como o são seus oficiais neomodernistas atuais? Qualquer reconhecimento assim só pode ser um mau sinal.

* "Não é uma armadilha. . . "? Todo este parágrafo é verdadeiramente notável. O autor destes "Comentários" se sente obrigado a voltar-se para Mickey Mouse e para a sua amada companheira, Minnie Mouse, para comentar:

Mickey: Querida, você pode sentir esse cheiro de queijo delicioso que estou sentindo? Ah, olha, ali está!

Minnie: Mas Mickey, é uma ratoeira, armada pelo dono da casa para livrar-se de nós. Você não consegue ver isso?

Mickey: Não pode ser uma armadilha! Digo a você, se alguém nos oferece um queijo bom assim só pode ser porque nos deseja o bem. Está claro que ele quer que nós, os ratos, prosperemos e floresçamos dentro de sua casa.

Minnie (suplicando): Oh, querido, você não pode lembrar-se de quantos dos nossos primos morreram dessa maneira?

Mickey: Pela última vez, digo a você - e eu nunca me engano - é impossível que um queijo tão delicioso venha de nossos inimigos! Eles nunca poderiam esmagar-nos dessa maneira.

Minnie (com um profundo suspiro): Não há melhor maneira de esmagar-nos! E quantos mais de nossos amigos e parentes vão seguir a sua liderança? Oh, orgulho masculino!

Perdoem a frivolidade, queridos leitores - há razões para temer que estejamos lidando com uma verdadeira Disneylândia!

Kyrie eleison.
 
Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

domingo, 25 de setembro de 2016

Decimo Nono Domingo depois de Pentecoste

25/09 Domingo 
Festa de Segunda Classe
Paramentos Verdes

Leitura da Epístola dos 


Efésios 4, 23-28                                                                                          
23. Renovai sem cessar o sentimento da vossa alma, 24. E revesti-vos do homem novo, criado à imagem de Deus, em verdadeira justiça e santidade. 25. Por isso, renunciai à mentira. Fale cada um a seu próximo a verdade, pois somos membros uns dos outros. 26. Mesmo em cólera, não pequeis. Não se ponha o sol sobre o vosso ressentimento.   27. Não deis lugar ao demônio. 28.Quem era ladrão não torne a roubar, antes trabalhe seriamente por realizar o bem com as suas próprias mãos, para ter com que socorrer os necessitados.

Sequência do Santo Evangelho 

São Mateus 22,1-14                                                                          
1. Jesus tornou a falar-lhes por meio de parábolas: 2. O Reino dos céus é comparado a um rei que celebrava as bodas do seu filho. 3. Enviou seus servos para chamar os convidados, mas eles não quiseram vir. 4.Enviou outros ainda, dizendo-lhes: Dizei aos convidados que já está preparado o meu banquete; meus bois e meus animais cevados estão mortos, tudo está preparado. Vinde às bodas! 5. Mas, sem se importarem com aquele convite, foram-se, um a seu campo e outro para seu negócio. 6. Outros lançaram mãos de seus servos, insultaram-nos e os mataram. 7. O rei soube e indignou-se em extremo. Enviou suas tropas, matou aqueles assassinos e incendiou-lhes a cidade. 8. Disse depois a seus servos: O festim está pronto, mas os convidados não foram dignos. 9. Ide às encruzilhadas e convidai para as bodas todos quantos achardes. 10. Espalharam-se eles pelos caminhos e reuniram todos quantos acharam, maus e bons, de modo que a sala do banquete ficou repleta de convidados. 11. O rei entrou para vê-los e viu ali um homem que não trazia a veste nupcial. 12. Perguntou-lhe: Meu amigo, como entraste aqui, sem a veste nupcial? O homem não proferiu palavra alguma. 13. Disse então o rei aos servos: Amarrai-lhe os pés e as mãos e lançai-o nas trevas exteriores. Ali haverá choro e ranger de dentes. 14. Porque muitos são os chamados, e poucos os escolhidos.

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

sábado, 24 de setembro de 2016

Qual a diferença do Catecismo da Doutrina Cristã dito de São Pio X dos outros editados?



 Esta é a pergunta que fizeram para nós.

R: Sim, a diferença está em que todos que adquiriram este Catecismo gostaram desta nossa humilde tradução.O senhor que fez a tradução quis colocar, ao público brasileiro, esta obra original do Italiano, não vista no Brasil desta forma, assim teremos um crescimento do Catolicismo no Brasil.Quando tivemos em mão, ficamos espantados com a forma direta e objetiva do Papa São Pio X ao qual escreveu este Catecismo.Naquela época o modernismo já estava se espalhado, ele (São Pio X) para prevenir e ensinar seus fiéis na sua paróquia, fez este resumo do Catecismo Romano nesta obra. Um trabalho maravilhoso e que o nosso público tem acesso agora. Bom proveito desta obra traduzida do original do italiano com sua linguagem fácil e direta de nosso
 Santo Papa São Pio X.

 Colocamos um pouco do textos abaixo de cada Catecismo para que vejam a diferença:
 
Original do Italiano Próprio Papa São Pio X escreveu.
  Nome original é este: Catecismo da Doutrina Cristã dito de São Pio X

 O Catecismo de São Pio X é um pequeno e simples catecismo, escrito pelo Papa São Pio X em 1905 , com o importante objetivo de popularizar o ensino do catecismo na Igreja Católica e tornar os católicos mais informados e conhecedores da sua fé e doutrina. Este catecismo tinha também a função de resumir o Catecismo Romano, que foi um produto importante do Concílio de Trento.Com 433 perguntas.

Textos sem modificação
“CREDO”: PRINCIPAIS VERDADES DA FÉ CRISTÃ

CAPÍTULO I

Principais mistérios Sinal da Santa Cruz



Sem Fé é impossível agradar a Deus...



28. Quais são as verdades reveladas por Deus?

As verdades reveladas por Deus são principalmente as compendiadas no Credo ou Símbolo dos Apóstolos, e se chamam verdades de Fé porque devemos crer nelas com plena Fé como ensinadas por Deus, que não se engana nem pode enganar.


29.O que é o “Credo” ou “Símbolo dos Apóstolos”?

O Credo ou Símbolo dos Apóstolos é uma profissão dos principais mistérios e outras verdades reveladas por Deus, por meio de Jesus Cristo e dos Apóstolos, e ensinados pela Igreja.


30.O que é mistério?

Mistério é uma verdade superior mas não contrária à razão que cremos porque Deus a revelou.


31.Quais sãos os principais mistérios da Fé professados no Credo?

Os principais mistérios da Fé professados no Credo são dois: Unidade e Trindade de Deus; Encarnação, Paixão e Morte de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Terceiro Catecismo Da Doutrina Cristã (Conhecido como Catecismo maior de São Pio X)


32.          Quais sãos os principais mistérios da Fé professados no Credo?
Os principais mistérios da Fé professados no Credo são dois: Unidade e Trindade de Deus; Encarnação, Paixão e Morte de Nosso Senhor Jesus Cristo.


Querendo seguir o máximo o Papa São Pio X;para que se fique conhecido mais os ensinamentos Católicos;  editamos em português como foi escrito pelo seu próprio punho em Italiano. E para todos ter aceso ao ensinamento do Papa São Pio X conseguimos fazer este preço de R$ 5,00 através de benfeitores pois nossa intenção e a Salvação das Almas.

Não poderíamos deixar de citar:
 Primeira edição do Catecismo das crianças foi esgotada em 8 meses. Não 
corrigido pelo Catecismo 
 da Doutrina Cristã dito de São Pio X.

http://1.bp.blogspot.com/-cK_YJRhYVzo/UY7dZFsjuhI/AAAAAAAAGFI/FLRxjKFMn9Q/s1600/Capa+Catequese+Blog.jpg

        E segunda edição do Catecismo das crianças foi reformulado com mais 4 paginas e corrigido pelos textos do Catecismo 
 da Doutrina Cristã dito de São Pio X.
 


  Estes  textos abaixo onde houveram Modificações e acréscimos do original Catecismo da Doutrina Cristã dito de São Pio X.

https://2.bp.blogspot.com/-5JRssxHsFu8/Tt1H1L44aoI/AAAAAAAAHbY/e1DLA9z-Wgc/s1600/Terceiro+Catecismo+da+Doutrina+Crist%C3%A3+-+Catecismo+de+S%C3%A3o+Pio+X..jpg
   Textos com modificação e acréscimos.

 Não é Original do Italiano pois teve acréscimos e modificações pelos padres de Campos e outra edição teve correção de Anápolis e ultima edição ocorreu correções da editora Permanência. 

https://statics-lcultura.secure.footprint.net/products/capas_lg/916/30350916.jpg
Textos com modificação e acréscimos.
 Nomes usados: Terceiro Catecismo da doutrina Cristã(Padres de Campos) e depois de outra edição de Anápolis ficou com nome de Catecismo Maior de São Pio X e A Editora Permanecia permaneceu com este nome
Catecismo Maior de São Pio X.


CAPÍTULO I

Do Credo em geral



15) Qual é a primeira parte da Doutrina Cristã?

A primeira parte da Doutrina Cristã é o Símbolo dos Apóstolos, chamado vulgarmente Credo.


16) Por que chamamos ao Credo Símbolo dos Apóstolos?

O Credo chama-se Símbolo dos Apóstolos, porque é um compêndio das verdades da Fé, ensinadas pelos Apóstolos.


19) Que quer dizer a palavra Credo, eu creio que dizeis no com

eço do Símbolo?

A palavra Credo, eu creio quer dizer: eu tenho por absolutamente verdadeiro tudo o que nestes doze artigos se contém; e o creio mais firmemente do que se o visse com os meus olhos, porque Deus, que não pode nem enganar-Se nem enganar-nos, revelou estas verdades à Santa Igreja Católica, e por meio dEla eis revela também a nós. 


20) Que contêm os artigos do Credo?

Os artigos do Credo contêm tudo o que de mais importante deve acerca  de

Deus, de Jesus Cristo e da Igreja, sua Esposa.


21) É muito útil rezar frequentemente o Credo?

É utilíssimo rezar frequentemente o Credo, para imprimirmos cada vez mais no coração as verdades da Fé.


Então divulgue Catecismo da Doutrina Cristã dito de São Pio X.
E dê a quem não tem, valor é de 5,00.Com esse valor ajude nesta cruzada para tirar da ignorância as almas. 
Adquira o seu e presentei.
Seja um cruzado na salvação das almas. 

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário. 


sexta-feira, 23 de setembro de 2016

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

O deus da Paz?

 Sim. 

Uns dos nomes do deus da nova ordem mundial.

 http://www.agencia.ecclesia.pt/noticias/vaticano/dialogo-interreligioso-papa-vai-a-assis-para-encontro-pela-paz/

Loucuras Modernistas do tal Diálogo inter-religioso do seu deus da Paz.

Papa em Assis para rezar ao «Deus da Paz»

Francisco convocou jornada mundial de oração para associar comunidades católicas ao evento 

  Palavras do Papa modernista:E para além das divisões das religiões: todos, todos, todos! Porque todos somos filhos de Deus.E Deus é Deus de paz. Não existe um deus de guerra: quem faz a guerra é o maligno, o diabo, que quer matar todos”, apelou.

Esses modernistas só fazem escândalos.

Esse papa fala contrario do ensinamentos da doutrina de sempre, e mais!Não segue e nem divulga o que Nossa Senhora de Fátima pediu para se ter paz e o fim das guerras.

Fazem sim estas reuniões dos maçônicos.

 Disse em Nossa Senhora em Fátima:“Rezem o Santo Rosário todos os dias, para alcançarem a paz para o mundo, e o fim das guerras.”

Nossa Senhora: “Vistes o inferno, para onde vão as almas dos pobres pecadores. Para salvá-las, Deus quer estabelecer no mundo a devoção ao Meu Imaculado Coração.

Se fizerem o que eu vos disser, salvar-se-ão muitas almas e terão paz.

Fizeram isto?Não.

 Os modernistas só fazem essas reuniões sacrílegas que agrada nova ordem mundial e o que Nossa Senhora mandou fazer não fazem e fazem pouco caso da devoção ao Seu Imaculado Coração para ter a Paz. 

  Ela não disse para fazer  encontro ecumênico; que só rebaixa a Nossa Santa Religião as seitas cismáticas,protestantes e espíritas e adoradores de satanás isto traz a Paz? Não.

Eles sim desobedientes a mensagem da devoção e reparação para ter Paz.

 Nosso Senhor Jesus Cristo diz aos papas modernistas que fazem encontro da falso deus da paz:

 "Retira de mim, Satanás! Tu serve-me de escândalo, porque não tens a sabedoria das coisas de Deus, mas das coisas dos homens" (Mateus 16:23).

   Então sigam Nossa Senhora rezem o Sano Rosário para Paz

 façam reparação por mais este escândalo.

 Divulguem.

 http://lojinhadoconvento.blogspot.com.br/2016/01/folhetos-dos-primeiros-sabados-do-mes.html

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário. 

22 de setembo dia de São Tomás de Vila Nova, Bispo e Confessor.

 22/08 Quinta-feira
Festa de Terceira Classe 
Paramentos Brancos
Santo Tomás de Vilanova nasceu em Fuenllana (Espanha) no ano de 1488, mas foi criado em Villanueva (Vilanova, em português) de los Infantes, de onde tomou seu nome ao entrar na Ordem dos Agostinianos. Seus pais, Alonso Tomás Garcia e Lucia Martinez de Castellanos, praticavam obras de caridade, socorrendo a toda espécie de necessitados. Tomás herdou dos pais esta virtude. Dava a seus coleguinhas mais necessitados tudo o que podia, inclusive suas próprias vestes e calçados. Um dia em que os pais não estavam em casa, chegaram seis pobres pedindo esmola. O menino, não encontrando nada para dar-lhes, foi ao galinheiro e pegou seis franguinhos, dando a cada um dos pobres um destes. E disse à mãe que, se houvesse mais um pobre, ter-lhe-ia dado também a galinha. Seguindo o exemplo da mãe, desde muito cedo começou a jejuar, não só nos dias prescritos pela Igreja mas também em outros de sua devoção. Flagelava-se e fazia outras sortes de penitências como se fosse já um adulto. Estudante modelar na universidade de Alcalá Quando tinha 15 anos seus pais enviaram-lhe à famosa Universidade de Alcalá para cursar humanidades, retórica, filosofia e teologia. Seu sucesso foi tanto que nos nove anos de estudos naquela instituição ele foi aclamado por todo mundo. No entanto, sua virtude era ainda mais notável que sua ciência. Apesar do seu sucesso, jamais perdeu a modéstia e a humildade: ele aceitava os elogios como se não fosse ele que estivesse em foco. Aos 17 anos a morte de seu pai obrigou-o a voltar temporariamente para casa a fim de pôr em ordem os assuntos domésticos. Ele recebeu de herança uma grande residência que transformou em hospital para os pobres. Sua mãe cumpriu sua vontade, encerrando-se ela mesma no hospital para passar os seus anos de viuvez a serviço dos pobres. De professor de filosofia a frade agostiniano Voltando para Alcalá passou a ensinar filosofia na Universidade. Ele tinha então 26 anos. Mas outras eram suas preocupações. Havia muito vinha ele pensando em consagrar-se inteiramente a Deus mediante a vida religiosa. Por isso, deixou as glórias do mundo pelo hábito agostiniano. Tomás fez sua profissão solene em 25 de novembro de 1517. Ordenado sacerdote algum tempo depois, celebrou sua primeira missa no dia de Natal. Ele entrou em êxtase ao cantar o Glória. Tomás conservaria para sempre uma terna devoção à Divina Infância e ao Santo Sacrifício do altar. Ele costumava dizer que é péssimo sinal para um sacerdote quando ele é visto celebrar a Missa todos os dias sem se tornar cada vez melhor. Não perdia um minuto durante o dia. Os lugares que mais frequentava eram o altar, o coro (para as orações), sua cela (uma cela em um mosteiro é o aposento de um membro da comunidade; a cela é utilizada para estudar e meditação, também), a bilbioteca (para os estudos) e a enfermaria (para cuidar dos doentes). O santo não podia ver um religioso ocioso e inútil que já o comparava a um soldado sem armas e exposto ao ataque de seus inimigos. Dizia que ter ciência e grande erudição sem a piedade é como uma espada na mão de uma criança: é uma arma que pode ferir pois não tira proveito daqueles dons de ciência para ninguém. Ele criticava também os religiosos que, sob pretexto de devoção, não se aplicavam suficientemente ao estudo. Outro São Paulo ou Elias Designado à pregação ele a fazia com tanto empenho que o consideravam um outro São Paulo (pela profundidade de sua doutrina) ou um outro Elias da nova Lei (por causa do zelo que demonstrava em seus sermões). Tomás reformou de tal maneira Salamanca que a cidade “se havia tornado um mosteiro”. Muitos jovens renunciaram ao mundo para seguir a Deus. O próprio Imperador Carlos V quis ouví-lo e acabou escolhendo-o para seu pregador. Quando Tomás pregava fora do palácio, o Rei ia disfarçado para ouví-lo. O santo não aprovava os pregadores que, para dar mostras de erudição, faziam longos e prolixos sermões. Por uma visão interior ele conhecia as necessidades espirituais de seus ouvintes e o mais admirável era que, por mais diferentes que fossem seus interlocutores, todos saíam com maior piedade após ouvir seu sermão. Preguiça e ociosidade: inimigas da virtude Tomás foi eleito prior de Burgos e Valladolid e duas vezes foi provincial da Andaluzia e uma vez de Castela. No governo de seus súditos sua mansidão de coração e o atrativo de sua pessoa constituíam poderosas armas para exercer sua autoridade. Nos seus governos, ele desejava primeiro que os oficios divinos fossem celebrados com toda a reverência e atenção possíveis; em segundo lugar, que os religiosos considerassem a meditação e a leitura espiritual como coisas invioláveis; terceiro, que a paz e a união na caridade fraterna fossem guardadas sem nenhuma alteração; e, finalmente, que ninguém fosse dominado pela preguiça ou pelo ócio, vícios que são os maiores inimigos da virtude, a ruina da alma, o destruidor da castidade e a fonte de todas as desordens. Com tais normas, ele fez florescer a observância em todas as casas sob sua jurisdição. Ou seja: promoveu uma verdadeira reforma no sentido católico do termo. Arcebispo de Valência por inspiração divina Frei Tomás relutou em aceitar ser bispo, ele teve que curvar a cabeça e conformar-se com os desígnios da Providência. Tinha então ele 56 anos. Foi nomeado no dia 10 de outubro de 1544. Conservou como arcebispo seu hábito religioso que ele mesmo remendava. O cabido da arquidiocese, pensando que ele não tivesse dinheiro para comprar roupas melhores, deu de presente quatro mil ducados para que comprasse trajes mais condizentes com seu posto. Imediatamente Tomás doou o dinheiro ao hospital, agradeceu muito ao cabido dizendo que o bem que era feito aos doentes ele o tomava como para si próprio. Começou sua administração pela visita pastoral à sua circunscrição eclesiástica pregando por toda parte, resolvendo litígios, reformando conventos e extirpando os vícios. Promoveu um sínodo para acabar com muitos abusos e reformar o clero. Extraordinária caridade e milagres. A caridade do então Dom Tomás era insuperável. Atendia diretamente no palácio inúmeros pobres. Não importava a hora do dia ou da noite em que os necessitados pediam seu auxílio. Freqüentemente acompanhava seus atos de caridade com milagres. A um paralítico que lhe pedia esmola, perguntou se preferia trabalhar e ganhar seu sustento com as próprias mãos. À resposta afirmativa, ele lhe disse: “em nome de Jesus Crucificado, deixa tuas muletas e anda.” No mesmo instante o pobre começou a andar e a agradecer. Santo Tomás de Vilanova tinha êxtases em público, o que contribuia para aumentar a veneração que por ele sentiam. Seus milagres também eram conhecidos por todo mundo. Entretanto, como ele mesmo dizia, nunca temera tanto salvar-se como desde o momento em que se tornou arcebispo. Isso, devido às responsabilidades que lhe cabiam, pelo bem das almas de todos seus diocesanos. Por essa razão, aspirava ardentemente renunciar ao cargo e voltar para sua cela de religioso. Enfim, quando ele suplicava com lágrimas a Nosso Senhor que o livrasse desse pesado fardo, o Crucificado lhe respondeu: “Tenha ânimo, que no dia do nascimento de minha Mãe virás descansar.” No dia 8 de setembro de 1555, Tomás de Vilanova recebeu o prêmio demasiadamente grande de sua fidelidade.                

Leitura da Epístola dos

Eclesiástico 44;16,27 
16.Henoc agradou a Deus e foi transportado ao paraíso, para excitar as nações à penitência.17.Noé foi julgado justo e perfeito, e no tempo da ira tornou-se o elo de reconciliação.18.Por isso foram deixados alguns na terra, quando veio o dilúvio.19.Ele foi o depositário das alianças feitas com o mundo, a fim de que ninguém doravante fosse destruído por dilúvio.20.Abraão é o pai ilustre de uma infinidade de povos. Ninguém lhe foi igual em glória: guardou a lei do Altíssimo, e fez aliança com ele.21.O Senhor marcou essa aliança em sua carne; na provação, mostrou-se fiel.22.Por isso jurou Deus que o havia de glorificar na sua raça, e prometeu que ele cresceria como o pó da terra.23.Prometeu-lhe que exaltaria sua raça como as estrelas, e que seu quinhão de herança se estenderia de um mar a outro: desde o rio até as extremidades da terra.24.Ele fez o mesmo com Isaac, por causa de seu pai, Abraão.25.O Senhor deu-lhe a bênção de todas as nações, e confirmou sua aliança sobre a cabeça de Jacó.26.Distinguiu-o com suas bênçãos, deu-lhe a herança, e repartiu-a entre as doze tribos.27.Conservou-lhe homens cheios de misericórdia, que encontraram graça aos olhos de toda carne.
                                                                                                             
Sequência do Santo Evangelho

São Mateus 25,14-23    
14.Será também como um homem que, tendo de viajar, reuniu seus servos e lhes confiou seus bens.15.A um deu cinco talentos; a outro, dois; e a outro, um, segundo a capacidade de cada um. Depois partiu.16.Logo em seguida, o que recebeu cinco talentos negociou com eles; fê-los produzir, e ganhou outros cinco.17.Do mesmo modo, o que recebeu dois, ganhou outros dois.18.Mas, o que recebeu apenas um, foi cavar a terra e escondeu o dinheiro de seu senhor.19.Muito tempo depois, o senhor daqueles servos voltou e pediu-lhes contas.20.O que recebeu cinco talentos, aproximou-se e apresentou outros cinco: - Senhor, disse-lhe, confiaste-me cinco talentos; eis aqui outros cinco que ganhei.'21.Disse-lhe seu senhor: - Muito bem, servo bom e fiel; já que foste fiel no pouco, eu te confiarei muito. Vem regozijar-te com teu senhor.22.O que recebeu dois talentos, adiantou-se também e disse: - Senhor, confiaste-me dois talentos; eis aqui os dois outros que lucrei.23.Disse-lhe seu senhor: - Muito bem, servo bom e fiel; já que foste fiel no pouco, eu te confiarei muito. Vem regozijar-te com teu senhor.

 Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário