sábado, 29 de outubro de 2016

Nossa Senhora no Sábado

29/10 Sábado
Festa de Quarta Classe
Paramentos Brancos
Nos primeiro Sábado do Mês meditar 15 mistérios do Rosário com Nossa Senhora pediu em Fátima.

Leitura da Epístola dos 

Eclesiástico 24,14-16
14 Desde o início, antes de todos os séculos, ele me criou, e não deixarei de existir até o fim dos séculos; e exerci as minhas funções diante dele na casa santa. 15 Assim fui firmada em Sião; repousei na cidade santa, e em Jerusalém está a sede do meu poder. 16 Lancei raízes no meio de um povo glorioso, cuja herança está na partilha de meu Deus; e fixei minha morada na assembléia dos santos.

Sequência do Santo Evangelho

São Lucas 11,27-28
27 Enquanto ele assim falava, uma mulher levantou a voz do meio do povo e lhe disse: Bem-aventurado o ventre que te trouxe, e os peitos que te amamentaram! 28 Mas Jesus replicou: Antes bem-aventurados aqueles que ouvem a palavra de Deus e a observam! 

REZEM TODOS OS DIAS O SANTO ROSÁRIO pelo 

“Triunfo da Verdade Católica sobre o erros modernistas”.

 PARA O TRIUNFO DO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA.

Pela Consagração da Rússia Imaculado Coração de Maria.

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Comentários Eleison - por Dom Williamson CDLXXXIV (484) - (22 de outubro de 2016):

 
 
RAÇÕES DE COMBATE


Quando instituições católicas estão a desmoronar,       
Os sacerdotes devem ajudar os lares aos golpes amparar.
            Em assuntos militares é normal que generais e soldados tenham do mesmo modo em mente mais da última Guerra do que da que eles estão agora lutando. Quem imaginou que haveria uma guerra de trincheiras antes da Primeira Guerra Mundial? E no entanto, na Segunda Guerra Mundial o desenvolvimento de tanques que ocorreu entre as guerras tornou as trincheiras obsoletas. Nos assuntos religiosos dá-se o mesmo. O século XXI não é mais o século XX. Agem decerto imprudentemente os católicos resistentes que desde 2012 estão esperando por algo como o estabelecimento e a expansão da Fraternidade Sacerdotal São Pio X do século passado. Por exemplo, de dois resistentes admiráveis de hoje vêm um lamento de ordem geral e outro de ordem particular, nenhum, talvez, plenamente sábio…
            O lamento de ordem geral é que a “Resistência” está desmoronando ao invés de fazer progressos. Estes “Comentários” frequentemente colocam a palavra “Resistência” entre aspas precisamente para sugerir que a resistência católica à consciliarização da FSSPX não é ainda algum tipo de organização, mas um movimento vago com um objetivo preciso, que é salvar a Fé católica; porém, ainda com pouca estrutura que a ajude a fazê-lo. Contudo, que os resistentes tenham ânimo, porque enquanto o homem propõe, Deus dispõe, de modo que o que pode parecer um fracasso humano pode não ser um fracasso da perspectiva do Deus Todo-Poderoso.
            Assim, na década de setenta Dom Lefebvre propôs reunir uma meia dúzia de bispos católicos a fim de erguer um obstáculo real no caminho dos conciliaristas que então destruíam a Igreja, mas Deus dispôs diferentemente. Nesse seu propósito o Arcebispo fracassaria, mas ao intentá-lo ele teve êxito em construir uma tesouraria mundial para manter seguros os tesouros da doutrina da Igreja, a Missa e o sacerdócio até que venham tempos melhores. De modo semelhante, há agora resistentes propondo construir um substituto para a ameaçada FSSPX, e a aparente fraqueza desta (ao menos até agora) pode sugerir que tal substituição em larga escala não esteja nos planos ou disposições do Deus Todo-Poderoso. Contudo, ao intentá-la, os resistentes estão assegurando (ao menos por hora) a sobrevivência da Fé católica, que é certamente uma disposição da Providência.
            O lamento de ordem particular é que se ao menos a “Resistência” tivesse escolas, muitos pais da FSSPX engrossariam as fileiras da “Resistência”, já que agora não podem fazê-lo porque seus filhos seriam imediatamente expulsos das escolas da FSSPX para as quais não há atualmente alternative decente. Mas, novamente, nós estamos lutando pela Fé no século XXI, não no século XX. De volta à década de oitenta, havia ainda suficientes pais, professores e sacerdotes católicos com ideias afins para formar esse quadro triangular no qual as crianças são quase que obrigadas a crescer no caminho da retidão. Mas, e hoje? Hoje se aprende de uma escola da FSSPX para meninos que têm estado em dificuldades sérias por causa de um surgimento de dentro de seus muros daquele pecado contra a natureza que clama ao Céu por vingança. Mas, que muros podem impedir adolescentes de adquirir conhecimento sobre aquela glorificação do pecado entre a massa de adultos homens de seu país, e de uma palavra nova inventada para condenar a condenação do novo vício – “homofobia”? E, desde quando os adolescentes não imitam seus adultos? De fato, como pode alguém fazer funcionar uma escola para meninos desde a invenção da internet, com acesso de bolso a ela? As instituições católicas ainda são possíveis?
            Na guerra religiosa dos dias de hoje, a ordem do dia é certamente a das rações de combate, que significa o estritamente necessário para a sobrevivência do soldado – aqui, no sentido de manter a Fé. Essa guerra deve ser vencida no lar, ou será perdida. Deus dá aos pais um poder natural para formar seus filhos, poder que ultrapassa, digamos, de cinco para dois o poder de deformá-los de qualquer instituição, mas apenas enquanto os pais o mantenham sob controle. Um pequeno leme pode dirigir um grande barco, mas não se o timoneiro deixá-lo solto. Se os pais soltam seus filhos, não podem depois culpar o mundo por dirigi-los para o Inferno. E se alguns pais vêm querendo que as escolas da FSSPX capacitem seus filhos para o mundo mais que para o Céu, não estaria aí uma das importantes causas do deslize da FSSPX?
Kyrie eleison.
 
Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário.

domingo, 23 de outubro de 2016

23 de outubro dia Santo Antônio Maria Claret, Bispo e Confessor




  Santo Antônio Maria Claret Y Clará nasceu em Sallent, na diocese espanhola de Vic, em 1807. Era o quinto entre dez filhos de modesto tecelão de Catalunha. Quando jovem, se sentia atraído para a vida contemplativa, e bem quisera ser cartuxo, mas foi desaconselhado por sacerdote que percebeu seus grandes dons de missionário. Aos vinte e dois anos entrou no seminário de Vic e saiu sacertode aos vinte e oito, com a nomeação de vigário para a sua cidade natal, dedicando-se de corpo e alma ao serviço ministerial. Seu ideal ultrapassava os limites de sua paróquia. Ficou ai pouco tempo. Para seguir a própria vocação missionária, foi a Roma pôr-se  à disposição da Congregação para a Propagação. A escolha não pareceu muito boa e então ingressou no noviciado da Companhia de Jesus, que teve de interromper por causa de uma doença. Voltando a Espanha, foi missionário em sua pátria dedicando-se à evangelização das zonas rurais. Voltando a Vic deu início em 1849 à sua mais importante obra: a fundação de uma congregação missionária dedicada ao Coração Imaculado de Maria (cujos membros são ainda hoje conhecidos com o nome de Padres Claretianos). Mas tarde fundou também o Instituto das Irmãs de Ensino de Maria Imaculada. Foi eleito arcebispo de Cuba, então sob o dominio espanhol, cuja sede estava há 14 anos vacante. Incansável viajante, fez sentir sua presença em toda parte com a palavra e com os escritos: uma benéfica chuva de boa imprensa transformou a ilha. Para os analfabetos havia a palavra oral e a imagem de Nossa Senhora. Administrou a confirmação a trezentos mil cristãos e regularizou trinta mil casamentos. Instituiu também uma escola agrária, escrevendo ele própria pequena tratada sobre o cultivo dos campos. Foi confessor da rainha da Espanha mas não se adaptou á vida da corte. Procurou estender sua jornada de trabalho prestando serviço em várias paróquias. Olhou com particular simpatia o mundo dos artistas, para os quais chegou a fundar uma academia sob a proteção de São Miguel. Foi também escritor, deixando cerca de oitenta obras. O Papa Pio XI considerava-o o “Precursor da Ação Católica” dos tempos modernos. Santo Antônio Maria Claret morreu no dia 24 de outubro de 1870, aos sessenta e três anos, em Fontfroide, França. O Papa Pio XII o incluiu no catálogo dos santos durante o ano santo de 1950. Coração amabilíssimo, onde nada de mal lhes possa suceder.
Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

sábado, 22 de outubro de 2016

Nossa Senhora no Sábado

22/10 Sábado 
Festa de Quarta Classe
Paramentos Brancos
https://ocatolicismo.files.wordpress.com/2013/10/rainha-do-preciosissimo-sangue.jpg
Rainha do Preciosíssimo Sangue

Epístola extraída do

Eclesiástico 24, 14-16
14 Desde o início, antes de todos os séculos, ele me criou, e não deixarei de existir até o fim dos séculos; e exerci as minhas funções diante dele na casa santa. 15 Assim fui firmada em Sião; repousei na cidade santa, e em Jerusalém está a sede do meu poder. 16 Lancei raízes no meio de um povo glorioso, cuja herança está na partilha de meu Deus; e fixei minha morada na assembléia dos santos. 

Sequência do Santo Evangelho 

São Lucas 11, 27-28 
27 Enquanto ele assim falava, uma mulher levantou a voz do meio do povo e lhe disse: Bem-aventurado o ventre que te trouxe, e os peitos que te amamentaram! 28 Mas Jesus replicou: Antes bem-aventurados aqueles que ouvem a palavra de Deus e a observam! 

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Comentários Eleison - por Dom Williamson CDLXXXIII (483) - (15 de outubro de 2016):

 

ANGÚSTIA DOS CATÓLICOS


O que de mim e de você Nosso Senhor quer?
Que façamos o que podemos, e não o que não podemos fazer.

Um mundo que quer cada vez menos de Deus desgasta constantemente os católicos. Eis aqui outro lamento de um leitor:

            Pergunto-me: como é possível manter a Fé na situação geral em que se encontra a Igreja atualmente, com sua falta absoluta de pastores? Por alguns meses nós estivemos com a Fraternidade Sacerdotal São Pio X, período em que aprendemos sobre o valor da Tradição. Pesquisamos sobre a história do combate de Dom Lefebvre, e vimos também como ele vem sendo traído. Nós seguimos a “Resistência” através do site Non Possumus. Durante alguns meses nós fomos enganados pelo Pe. C., que a chama de “Desistência”. Ficamos desenganados e saímos de seu grupo. Agora nós estamos sem poder ir para a Fraternidade porque ali insistem em nos incluir em certas atividades, encontros de acólitos, e assim por diante. Pedem informações pessoais, e para descobrir coisas mandam-nos casais fortemente comprometidos com a Fraternidade. A maior parte do tempo nós passamos tentando não dizer coisas que poderiam nos impedir de receber a Santa Comunhão, como acontece com algumas pessoas que se posicionam contra o Papa Francisco ou a favor da “Resistência”. Agora estamos indo para a Igreja Católica Maronita, onde ao menos a Consagração é válida. Mas estamos desapontados por observar que eles aceitam o Vaticano II em geral, e por terem pedido minha permissão para que minhas filhas sirvam no altar. Quando eu recuso, eles dizem: “Todos nós somos filhos de Deus” e outras coisas parecidas para prevenir discriminação contra mulheres servindo no altar.

            Eu não tenho ninguém com quem confessar. Tenho uma luta contínua no trabalho, onde eu nunca deixo de falar de Deus e dos eventos atuais apesar de a escola ser laica e laicista; lá todas as pessoas são empregadas do Estado. Seguindo seu conselho de nos retirarmos para as sombras a fim de preparer-nos para a descida nas catacumbas, eu precavenho-me dos contatos sociais, mas é difícil lutar só. Estamos agora em contato com pessoas da TFP (Tradição, Família e Propriedade). Não tenho certeza de qual seja sua doutrina. Mas o que podemos fazer? O combate está pesando fortemente sobre mim. Em uma escola onde trabalho sei de um professor que é maçom. Apesar de ser uma escola do Estado, a orientação geral desta é religiosa, mas de um modo deísta. O que posso fazer? Neste país não resta nada, e não sabemos mais o que fazer.

Eu respondi a ele, entre outras coisas, que quando a Igreja está sendo levada pelo Caminho da Cruz para ser crucificada, tal como está acontecendo hoje, então o único modo de não ter de carregar uma lasca daquela Cruz é não ser um católico. Obviamente esse leitor quer permanecer católico a fim de que ele mesmo e sua família cheguem ao Céu. Então ele não deveria estar surpreso de encontrar a si mesmo sofrendo com lascas da Cruz de Nosso Senhor. Deveria preocupar-se de fato se estivesse se sentindo à vontade neste mundo que o rodeia.

            Quanto ao seu lugar de trabalho não há muito o que ele possa fazer. Os contatos sociais devem ser mantidos com oração, caridade e exemplo, porque nós, seres humanos, somos animais sociais, mas não devemos deixar nossa energia limitada e nossos recursos serem exauridos atirando pérolas aos porcos. Nosso Senhor diz-nos para não condenar se nós não queremos ser condenados, mas ele também nos diz para discernir entre os lobos e os verdadeiros pastores (Mt 7, 15). Então, um católico é obrigado a exercer seu melhor juízo sobre a variedade de sacerdotes e leigos que ele encontra no caos da Igreja de hoje. E, em todo caso, um pai de família deve hoje conduzir sua família nos cinco mistérios do Rosário rezados em família todas as noites (ou, melhor, todas as manhãs). Isto assegurará que Nossa Senhora proteja sua família como só ela pode fazê-lo, através de quaisquer dos acontecimentos graves que já estão diante de nós.

            Kyrie eleison.

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário.

domingo, 16 de outubro de 2016

16 de outubro dia de Santa Edwiges, Viúva


Santa Edwiges, nasceu em uma região na Europa Central chamada Silésia, entre Alemanha Oriental e Polônia, no século XVI, ano de 1174. Filha de Bertoldo de Andech, Marquês de Meran e Conde do Tirol e de Inês, filha do Conde de Rottech, família muito numerosa e dotada de grandes riquezas e poderes. Edwiges foi criada com carinho, conforto e uma boa base religiosa. Aos seis anos foi internada no Mosteiro de Kicing, onde recebeu uma rígida educação, aprendeu as Sagradas Escrituras e foi preparada para vida.
Ao completar doze anos, seu pai arranjou-lhe um noivo chamado Henrique, Duque da Silésia, mais tarde Duque da Polônia. Seu encantamento foi grande ao conhecer sua Noiva dotada de grande beleza interior. Seu casamento aconteceu no ano de 1186, com a presença de nobres famílias, este acontecimento marcou a época, com longas comemorações de grande estilo. No final, Edwiges parte com seu marido, tornando-se a grande Duquesa da Silésia e da Polônia.
Em seu novo lar, ela assumiu seu papel de dona de casa, e em pouco tempo conquistou todos os que estavam sobre suas ordens através da forma carinhosa de tratá-los. Transformou seu lar num grande templo de Deus, onde era respeitada e amada por todos. Aos treze anos foi mãe pela primeira vez, trazendo felicidade e luz, com o passar do tempo sua família cresceu ainda mais, ficando com o total de seis filhos sendo que dois deles morreram precocemente. Alguns anos passaram, e por razões de rivalidades, ocorreram grandes conflitos no seio de sua família. Infelizmente por causa destas contendas a Duquesa Edwiges derramou muitas lágrimas.. Culta, inteligente e esposa dedicada, ela cuidou da formação religiosa dos filhos e do marido.
Mulher de oração, vivia em profunda intimidade com o Senhor. Submetia-se ao sacrifício de jejuns diários, limitando-se a comer alguns legumes secos nos Domingos, Terças, Quintas e Sábado. Nas Quartas e Sextas-feiras somente pão e água. Isto sempre em quantidade limitada, somente para atender as necessidades do corpo.
No tempo do Advento e da Quaresma, Edwiges se alimentava só para não cair sem sentidos. O esposo não aceitava aquela austeridade. Numa Quarta-feira de Quaresma ele esbravejou por haver tão somente água na mesa sendo que ele só bebia vinho. Edwiges então ofereceu-lhe uma taça, cujo líquido se apresentou como vinho. Foi um dos muitos sinais ou milagres que ela realizou.
Algum tempo depois Edwiges caiu vítima de uma grave enfermidade. Foi preciso que Guilherme, Bispo de Módena, representante do Papa para aquelas regiões, exigisse com uma severa ordem a interrupção de seu jejum. A Santa dizia que isto era mais mortificante do que a sua própria doença.
Dedicou toda sua vida na construção do Reino de Deus. Exerceu fortes influências nas decisões políticas tomadas pelo marido, interferindo na elaboração de leis mais justas para o povo.
Junto com o marido construiu Igrejas, Mosteiros, Hospitais, Conventos e Escolas. Por isto, em algumas representações a Santa aparece com uma Igreja entre as mãos.
Aos 32 anos, fez votos de castidade, o que foi em comum acordo com o marido. Quando ficou viúva, foi morar no Mosteiro de Trebnitz, na Polônia, onde sua filha Gertrudes era superiora. Foi lá que Edwiges deu largos passos rumo à santidade. Vivia com o mínimo de sua renda, para dispor o restante em socorro dos necessitados. Ela tinha um carinho especial pelas mulheres e crianças abandonadas. Encaminhava as viúvas para os conventos onde estariam abrigadas em casos de guerra e as crianças para escolas, onde aprendiam um ofício. Era misericordiosa e socorria também os endividados. Em certa ocasião, quando visitava um presídio, ela descobriu que muitos ali se encontravam porque não tinham como pagar as suas dívidas. Desde então, Edwiges saldava as dívidas de muitos e devolvia-lhes a liberdade. Procurava também para eles um emprego. Com isto eles recomeçavam a vida com dignidade, evitando a destruição as famílias em uma época tão difícil como era aquela do século XIII. E ainda mantinha as famílias unidas.
Assim, Santa Edwiges, é considerada a Padroeira dos pobres e endividados e protetora das famílias. Sua morte ocorreu no dia 15 de outubro de 1243. E foi canonizada no dia 26 de março de 1267, pelo Papa Clemente IV. Como no dia 15 de Outubro celebra-se Santa Teresa de Ávila, a comemoração de Santa Edwiges passou para o dia 16 de Outubro. Modelo de esposa, celibatária e viúva.
Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

sábado, 15 de outubro de 2016

15 de outubro dia de Santa Teresa Ávila, Virgem.

15/10 Sábado
Festa de Terceira Classe
Paramentos Brancos

  Santa Teresa de Cepeda e Ahumada nasceu em Ávila, Espanha, no ano de 1515, numa família da baixa nobreza. Seus pais chamavam-se Alonso Sánchez de Cepeda e Beatriz Dávila e Ahumada. Teresa refere-se a eles com muito carinho. Alonso teve três filhos do seu primeiro casamento. Beatriz deu-lhe outros nove. Teresa tinha 20 anos quando entrou no Convento da Encarnação. Seu pai, ao vê-la tão decidida, deixou de opor -se à sua vocação. Um ano depois fez a profissão dos votos. Pouco depois, piorou de uma enfermidade que começara a molestá-la antes de professar. Seu pai a retirou do convento. A irmã Joana Suárez acompanhou Teresa para ajudá-la. Os médicos, apesar de todos os tratamentos, deram-se por vencidos e a enfermidade, provavelmente impaludismo(malária), se agravou. Teresa conseguiu suportar aquele sofrimento, graças a um livrinho que lhe fora dado de presente por seu tio Pedro: "O terceiro alfabeto espiritual", do Padre Francisco de Osuna. Teresa seguiu as instruções da pequena obra e começou a praticar a oração mental. Finalmente, após três anos, ela recuperou a saúde e retornou ao Carmelo. Sua prudência, amabilidade e caridade conquistavam a todos. Segundo o costume dos conventos espanhóis da época, as religiosas podiam receber todos os visitantes que desejassem, a qualquer hora. Teresa passava grande parte de seu tempo conversando no locutório. Isto a levou a descuidar-se da oração mental. Vivia desculpando-se dizendo que suas enfermidades a impediam de meditar. Pouco depois da morte de seu pai, o confessor de Teresa fê-la ver o perigo em que se achava sua alma e aconselhou-a a voltar à prática da oração. Desde então, a santa jamais a abandonou. No entanto, ainda não se decidira a entregar-se totalmente a Deus nem a renunciar totalmente às horas que passava no locutório trocando conversas e presentes com os visitantes. Cada vez mais convencida de sua indignidade, Teresa invocava com freqüência os grandes santos penitentes, Santo Agostinho e Santa Maria Madalena, aos quais estão associados dois fatos que foram decisivos na vida da santa. O primeiro foi a leitura das "Confissões" de Santo Agostinho. O segundo foi um chamamento à penitência que ela experimentou diante de um quadro da Paixão do Senhor: "Senti que Santa Maria Madalena vinha em meu socorro... e desde então muito progredi na vida espiritual". Sentia-se muito atraída pelas imagens de Cristo ensangüentado em agonia. Certa ocasião, ao deter-se sob um crucifixo muito ensanguentado, perguntou: "Senhor, quem vos colocou aí?" Pareceu-lhe ouvir uma voz: "Foram tuas conversas no parlatório que me puseram aqui, Teresa". Ela chorou muito e a partir de então não voltou a perder tempo com conversas inúteis e nas amizades que não a levavam à santidade. Teresa estabeleceu em seu convento a mais estrita clausura e o silêncio quase perpétuo. Teresa estabeleceu em seu convento a mais estrita clausura e o silêncio quase perpétuo. A comunidade vivia na maior pobreza. As religiosas vestiam hábitos toscos, usavam sandálias em vez de sapatos (por isso foram chamadas "descalças") e eram obrigadas a abstinência perpétua de carne. A fundadora, a princípio, não aceitou comunidades com mais de treze religiosas. Mais tarde, nos conventos que possuiam alguma renda, aceitou que residissem vinte monjas. Teresa é uma das maiores personalidades da mística católica de todos os tempos. Suas obras, especialmente as mais conhecidas (Livro da Vida, Caminho de Perfeição, Moradas e Fundações), contém uma doutrina que abraça toda a vida da alma, desde os primeiros passos até à intimidade com Deus no centro do Castelo Interior. Foi canonizada em 1622.

Leitura da Epístola                                                                                                                                        
II Coríntios 10,17-18; 11,1-2
17.Ora, quem se gloria, glorie-se no Senhor. 18.Pois merece a aprovação não aquele que se recomenda a si mesmo, mas aquele que o Senhor recomenda. 1.Oxalá suportásseis um pouco de loucura de minha parte! Oh, sim! Tolerai-me. 2.Eu vos consagro um carinho e amor santo, porque vos desposei com um esposo único e vos apresentei a Cristo como virgem pura.

Sequência do Santo Evangelho 

São Mateus 25,1-13  
1.Então o Reino dos céus será semelhante a dez virgens, que saíram com suas lâmpadas ao encontro do esposo. 2.Cinco dentre elas eram tolas e cinco, prudentes. 3.Tomando suas lâmpadas, as tolas não levaram óleo consigo. 4.As prudentes, todavia, levaram de reserva vasos de óleo junto com as lâmpadas. 5.Tardando o esposo, cochilaram todas e adormeceram. 6.No meio da noite, porém, ouviu-se um clamor: Eis o esposo, ide-lhe ao encontro. 7.E as virgens levantaram-se todas e prepararam suas lâmpadas. 8.As tolas disseram às prudentes: Dai-nos de vosso óleo, porque nossas lâmpadas se estão apagando.9.As prudentes responderam: Não temos o suficiente para nós e para vós; é preferível irdes aos vendedores, a fim de o comprardes para vós. 10.Ora, enquanto foram comprar, veio o esposo. As que estavam preparadas entraram com ele para a sala das bodas e foi fechada a porta.11.Mais tarde, chegaram também as outras e diziam: Senhor, senhor, abre-nos! 12.Mas ele respondeu: Em verdade vos digo: não vos conheço! 13.Vigiai, pois, porque não sabeis nem o dia nem a hora.

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

O mundo subjetivismo quem nasceu homem e quem nasceu mulher?

Sim.No mundo sodomita da  LGBTT.
 
Subjetivismo é um sistema filosófico que não admite outra realidade se não a realidade do ser pensante. O subjetivismo acredita que a realidade não é o que pensamos, acredita que vai além disso. 
Sim.
Prova abaixo subjetivismo deste rapaz:
Realidade do ser pensante Beatriz Calore nasceu homem e virou mulher e agora é lésbica. 
Que desorientação subjetiva maligna maçônica.

E diz que enfrenta preconceitos dentro do universo sodomita LGBTT. 

O subjetivismo atribui a fonte da verdade ao sujeito. Essa anti-doutrina, desgraçadamente, triunfou e se espalhou pelo mundo graças ao triunfo da Revolução Francesa, transformando o mundo numa sodomia, onde ninguém se entende. Pois, se cada um tem a sua própria verdade, fica impossível haver entendimento.
 


iG: Você percebe que mesmo os gays demoram a entender a sua orientação sexual?Beatriz: Totalmente. Eu fiz uma conta no Leskut, o Orkut de lésbicas, e tudo bem. Disfarçava, não falava que sou trans. Daí uma menina perguntou, no chat geral, se eu era T. Todo mundo reagiu de maneira muito estranha. Algumas pessoas disseram que tudo bem, mas outras acharam engraçado, estranho. Eu já tinha perguntado em outro momento se elas sairiam com uma menina transexual e a reposta foi: “Não, eu não saio com homem”. As pessoas veem o que eu era antes e não o que sou agora.


O subjetivismo é a doutrina fílosófica que afirma que a verdade é individual. Cada sujeito teria a sua verdade. A idéia do sujeito é que projetaria o objeto .

A Santa doutrina católica do conhecimento da realidade é objetivista : é do objeto conhecido que a inteligência abstrai a idéia. Para o objetivismo, a verdade é a correspondência ou adequação entre a idéia do sujeito conhecedor e o objeto conhecido. 

A verdade , por isso, é objetiva e não pessoal, nem subjetiva.
Por isto que a reação das mulheres sodomistas de não sair com transexual. Porque a realidade objetiva falou alto ele é homem. 

Não basta estar vestido de mulher e pensar que é lésbica.
Não é a realidade. 


Então peixe morre pela boca, admitiram as mulheres sodomistas que a verdade é objetiva quem é homem é homem mesmo pensando subjetivamente que é mulher.

A realidade é realidade objetiva: homem é homem  
e mulher é mulher.
Tem que se converterem.E não serem  aceitos pelo mundo subjetivista maçônicos e dos modernistas.
 
Temos rezar para tal universo sodomita LGBTT que enxerguem que é pecado grave e contra natureza é um dos pecados que brandam o céu.

Concluímos com  S. Tomás de Aquino O vício sensual contra a natureza (nomeadamente hoje LGBTT.) é o maior pecado entre todas as espécies de luxúria.

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Ofício da Imaculada Conceição em Latim

 Officium parvum Conceptionis Immaculatae
 https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/7/7d/Giuseppe_Angeli_-_The_Immaculate_Conception_-_WGA00437.jpg
Signum Crucis: 
Per signum X crucis, de X inimicis nostris libera-nos Deus X noster. 
In nonime Patris X et Fílio X et Spitiui Sancto X. Amen.


 Ad Matutinum


Eia, mea labia, nunc annuntiate, laudes et praeconia Virginis beatae. 

V. DOMINA, in adiutorium meum intende.
R. Me de manu hostium potenter defende.

V. Gloria Patri, et Filio, et Spiritui Sancto.  
R. Sicut erat in principio, et nunc, et semper, et in saecula saeculorum. Amen.

SALVE, mundi Domina,
caelorum Regina:
Salve, Virgo virginum,
stella matutina

Salve, plena gratia,
clara luce divina.
Mundi in auxilium,
Domina, festina.

Ab aeterno Dominus
te praeordinavit
matrem unigeniti
Verbi, quo creavit.

Terram, pontum, aethera,
te pulchram ornavit
sibi Sponsam, quae
in Adam non peccavit.
Amen.

V. Elegit eam Deus, et praeelegit eam.
R. In tabernaculo suo habitare fecit eam.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.   

Oremus
Sancta Maria, Regina caelorum, Mater Domini nostri Iesu Christi, et mundi Domina, quae nullum derelinquis, et nullum despicis: respice me, Domina, clementer oculo pietatis, et impetra mihi apud tuum dilectum Filium cunctorum veniam peccatorum: ut qui nunc tuam sanctam et immaculatam conceptionem devoto affectu recolo, aeternae in futurum beatitudinis, bravium capiam, ipso, quem virgo peperisti, donante Domino nostro Iesu Christo: qui cum Patre et Sancto Spiritu vivit et regnat, in Trinitate perfecta, Deus, in saecula saeculorum. Amen.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

V. Benedicamus Domino.
R. Deo gratias.

V. Fidelium animae per misericordiam Dei requiescant in pace.
R. Amen.  

__________________________________________________________________________

Ad Primam

V. DOMINA, in adiutorium meum intende.
R. Me de manu hostium potenter defende.

V. Gloria Patri, et Filio, et Spiritui Sancto.  
R. Sicut erat in principio, et nunc, et semper, et in saecula saeculorum. Amen.


SALVE, Virgo sapiens,
domus Deo dicata,
columna septemplici
mensaque exornata.

Ab omni contagio
mundi praeservata.
Semper sancta in utero
matris, ex qua nata.

Tu Mater viventium,
et porta es sanctorum.
Nova stella Iacob,
Domina angelorum.

Zabulo terribilis
acies castrorum.
Porta et refugium
sis Christianorum.
Amen.

V. Ipse creavit illam in Spiritu Sancto.
R. Et effundit illam super omnia opera sua.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

Oremus
Sancta Maria, Regina caelorum, Mater Domini nostri Iesu Christi, et mundi Domina, quae nullum derelinquis, et nullum despicis: respice me, Domina, clementer oculo pietatis, et impetra mihi apud tuum dilectum Filium cunctorum veniam peccatorum: ut qui nunc tuam sanctam et immaculatam conceptionem devoto affectu recolo, aeternae in futurum beatitudinis, bravium capiam, ipso, quem virgo peperisti, donante Domino nostro Iesu Christo: qui cum Patre et Sancto Spiritu vivit et regnat, in Trinitate perfecta, Deus, in saecula saeculorum. Amen.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

V. Benedicamus Domino.
R. Deo gratias.

V. Fidelium animae per misericordiam Dei requiescant in pace.
R. Amen.

__________________________________________________________________________



Ad Tertiam

V. DOMINA, in adiutorium meum intende.
R. Me de manu hostium potenter defende.

V. Gloria Patri, et Filio, et Spiritui Sancto.
R. Sicut erat in principio, et nunc, et semper, et in saecula saeculorum. Amen.

SALVE, arca foederis,
thronus Salomonis,
arcus pulcher aetheris,
rubus visionis.

Virga frondens germinis,
vellus Gedeonis,
porta clausa numinis,
favusque Samsonis.

Decebat tam nobilem
natum praecavere
ab originali
labe matris Evae.

Almam, quam elegerat,
Genetricem vere,
nulli prorsus sinens
culpae subiacere.
Amen.

V. Ego in altissimis habito.
R. Et thronus meus in columna nubis.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

Oremus
Sancta Maria, Regina caelorum, Mater Domini nostri Iesu Christi, et mundi Domina, quae nullum derelinquis, et nullum despicis: respice me, Domina, clementer oculo pietatis, et impetra mihi apud tuum dilectum Filium cunctorum veniam peccatorum: ut qui nunc tuam sanctam et immaculatam conceptionem devoto affectu recolo, aeternae in futurum beatitudinis, bravium capiam, ipso, quem virgo peperisti, donante Domino nostro Iesu Christo: qui cum Patre et Sancto Spiritu vivit et regnat, in Trinitate perfecta, Deus, in saecula saeculorum. Amen.   

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

V. Benedicamus Domino.
R. Deo gratias.

V. Fidelium animae per misericordiam Dei requiescant in pace.
R. Amen.

__________________________________________________________________________


Ad Sextam

V. DOMINA, in adiutorium meum intende.
R. Me de manu hostium potenter defende.

V. Gloria Patri, et Filio, et Spiritui Sancto.  
R. Sicut erat in principio, et nunc, et semper, et in saecula saeculorum. Amen. 

SALVE, Virgo puerpera,
templum Trinitatis,
angelorum gaudium,
cella puritatis.

Solamen moerentium,
hortus voluptatis,
palma patientiae
cedrus castitatis.

Terra es benedicta
et sacerdotalis,
sancta et immunis
culpae originalis.

Civitas altissimi,
porta orientalis:
in te est omnis gratia,
Virgo singularis.
Amen.

V. Sicut lilium inter spinas
R. Sic amica mea inter filias Adae.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

Oremus
Sancta Maria, Regina caelorum, Mater Domini nostri Iesu Christi, et mundi Domina, quae nullum derelinquis, et nullum despicis: respice me, Domina, clementer oculo pietatis, et impetra mihi apud tuum dilectum Filium cunctorum veniam peccatorum: ut qui nunc tuam sanctam et immaculatam conceptionem devoto affectu recolo, aeternae in futurum beatitudinis, bravium capiam, ipso, quem virgo peperisti, donante Domino nostro Iesu Christo: qui cum Patre et Sancto Spiritu vivit et regnat, in Trinitate perfecta, Deus, in saecula saeculorum. Amen.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

V. Benedicamus Domino.
R. Deo gratias.

V. Fidelium animae per misericordiam Dei requiescant in pace.
R. Amen.

__________________________________________________________________________
Ad Nonam

V. DOMINA, in adiutorium meum intende.
R. Me de manu hostium potenter defende.

V. Gloria Patri, et Filio, et Spiritui Sancto.  
R. Sicut erat in principio, et nunc, et semper, et in saecula saeculorum. Amen. 

SALVE, urbs refugii,
turrisque munita
David, propugnaculis
armisque insignita.

In conceptione
caritate ignita
draconis potestas
est a te contrita.

O mulier fortis,
et invicta Iudith!
Pulchra Abisag virgo
verum fovens David!

Rachel curatorem
Aegypti gestavit:
Salvatorem mundi
Maria portavit.
Amen.

V. Tota pulchra es, amica mea.
R. Et macula originalis numquam fuit in te.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

Oremus
Sancta Maria, Regina caelorum, Mater Domini nostri Iesu Christi, et mundi Domina, quae nullum derelinquis, et nullum despicis: respice me, Domina, clementer oculo pietatis, et impetra mihi apud tuum dilectum Filium cunctorum veniam peccatorum: ut qui nunc tuam sanctam et immaculatam conceptionem devoto affectu recolo, aeternae in futurum beatitudinis, bravium capiam, ipso, quem virgo peperisti, donante Domino nostro Iesu Christo: qui cum Patre et Sancto Spiritu vivit et regnat, in Trinitate perfecta, Deus, in saecula saeculorum. Amen.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

V. Benedicamus Domino.
R. Deo gratias.

V. Fidelium animae per misericordiam Dei requiescant in pace.
R. Amen.
__________________________________________________________________________
Ad Vesperas
 
V. DOMINA, in adiutorium meum intende.
R. Me de manu hostium potenter defende.

V. Gloria Patri, et Filio, et Spiritui Sancto.
R. Sicut erat in principio, et nunc, et semper, et in saecula saeculorum. Amen. 

SALVE, horologium,
quo, retrogradiatur
sol in decem lineis;
Verbum incarnatur.

Homo ut ab inferis
ad summa attollatur,
immensus ab angelis
paulo minoratur.

Solis huius radiis
Maria coruscat;
consurgens aurora
in conceptu micat.

Lilium inter spinas
quae serpentis conterat
caput: pulchra ut luna
errantes collustrat.
Amen.

V. Ego feci in caelis ut oriretur lumen indeficiens.
R. Et quasi nebula texi omnem terram.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

Oremus
Sancta Maria, Regina caelorum, Mater Domini nostri Iesu Christi, et mundi Domina, quae nullum derelinquis, et nullum despicis: respice me, Domina, clementer oculo pietatis, et impetra mihi apud tuum dilectum Filium cunctorum veniam peccatorum: ut qui nunc tuam sanctam et immaculatam conceptionem devoto affectu recolo, aeternae in futurum beatitudinis, bravium capiam, ipso, quem virgo peperisti, donante Domino nostro Iesu Christo: qui cum Patre et Sancto Spiritu vivit et regnat, in Trinitate perfecta, Deus, in saecula saeculorum. Amen.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

V. Benedicamus Domino.
R. Deo gratias.

V. Fidelium animae per misericordiam Dei requiescant in pace.
R. Amen.

__________________________________________________________________________

Ad Completorium

V. Convertat nos, Domina, tuis precibus placatur Iesus Christus Filius tuus.
R. Et avertat iram suam a nobis.

V. DOMINA, in adiutorium meum intende.
R. Me de manu hostium potenter defende.

V. Gloria Patri, et Filio, et Spiritui Sancto.  
R. Sicut erat in principio, et nunc, et semper, et in saecula saeculorum. Amen. 

SALVE, virgo florens,
mater illibata,
regina clementiae,
stellis coronata.

Super omnes angelos
pura, immaculata,
atque ad regis dexteram
stans veste deaurata.

Per te, mater gratiae,
dulcis spes reorum,
fulgens stella maris,
portus naufragorum.

Patens caeli ianua
salus infirmorum
videamus regem
in aula sanctorum.
Amen.

V. Oleum effusum, Maria, nomen tuum.
R. Servi tui dilexerunt te nimis.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

Oremus
Sancta Maria, Regina caelorum, Mater Domini nostri Iesu Christi, et mundi Domina, quae nullum derelinquis, et nullum despicis: respice me, Domina, clementer oculo pietatis, et impetra mihi apud tuum dilectum Filium cunctorum veniam peccatorum: ut qui nunc tuam sanctam et immaculatam conceptionem devoto affectu recolo, aeternae in futurum beatitudinis, bravium capiam, ipso, quem virgo peperisti, donante Domino nostro Iesu Christo: qui cum Patre et Sancto Spiritu vivit et regnat, in Trinitate perfecta, Deus, in saecula saeculorum. Amen.

V. Domina, protege orationem meam.
R. Et clamor meus ad te veniat.

V. Benedicamus Domino.
R. Deo gratias.

V. Fidelium animae per misericordiam Dei requiescant in pace.
R. Amen.

__________________________________________________________________________

  Ad Commendationem


SUPPLICES offerimus
tibi, virgo pia,
haec laudum praeconia:
Fac nos ut in via
Ducas cursu prospero,
et in agonia
tu nobis assiste,
O dulcis Maria.

R. Deo gratias.
  
Ant. Haec est virga in qua nec nodus originalis, nec cortex actualis culpae fuit.

V. In conceptione tua virgo immaculata fuisti.
R. Ora pro nobis Patrem, cuius Filium peperisti.

Oremus
Deus, qui per immaculatam Virginis conceptionem dignum Filio tuo habitaculum praeparasti: quaesumus, ut qui ex morte eiusdem Filii tui praevisa eam ab omni labe praeservasti, nos quoque mundos eius intercessione ad te pervenire concedas. Per eundem Christum Dominum nostrum. Amen.

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário.

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

O papa Francisco modernista diz: que são bem vindos os comunistas?

Sim.
Contrariando toda nossa doutrina e Nossa Senhora de Fátima.
Comunistas tem que se converter e deixar seus erros. 
 
Nossa Senhora Conceição Aparecida nos proteja.
  http://3.bp.blogspot.com/--AS5hfgap6k/VCR0RomjohI/AAAAAAAAL2Q/MiB_KwNgtnY/s1600/Ideologia%2BAssassina%2Bdo%2BComunismo.jpg
1ª) São três castigos, sendo um deles uma sangrenta
Se Nossa Senhora em Fátima diz: que o comunismo e um mal e para evitar esse mal do comunismo tinha que ser consagra a Rússia ao seu Imaculado Coração.
Não foi feito consagração.E esse mal do comunismo se espalhou no mundo e nas Igrejas e nos colégios onde nossas crianças são afetadas e perdem a fé.

 Por isto que nos Estados Unidos muitas crianças católicas abandonam a fé aos 10 anos?

Isto e óbvio porque o este alicerce dos modernista o Concilio Vaticano II vem negando as verdades reveladas e adotando a ciência comunista contraria a Santa Religião.


Outro exemplo: quem no modernismo não participou de cursos teológicos,homilias modernistas e ouviu que não existiu Adão e Eva,inferno e etc e outras negações. 

São três castigos, sendo um deles uma sangrenta revolução promovida por homens ímpios para implantar no Brasil uma ditadura comunista; 2ª) Será semelhante à revolução espanhola de 1936 e, 3ª) É uma repetição da aparição de Nossa Senhora em La Salette, França, aparição esta devidamente reconhecida pela Igreja.
     Quem conhece as revelações de Nossa Senhora em Fátima, Portugal, em 1917, percebe que há uma grande semelhança entre esta, a de La Sallete e a que estamos comentando, aqui do Brasil.
     Em Fátima Nossa Senhora apareceu para alertar o mundo e a Igreja do perigo da ideologia comunista, e que esta se espalharia pelo mundo todo. Vale lembrar que a Igreja, por várias vezes, já condenou o comunismo e o socialismo, de sorte que um católico fiel não pode jamais apoiar qualquer forma de socialismo, marxismo, comunismo. Nomes diferentes para o mesmo mal, o mesmo veneno.
     Relembremo-nos das palavras da Virgem Santíssima, em Fátima: “Se atenderem a meus pedidos a Rússia se converterá e terão paz. Se não, espalhará seus erros pelo mundo, promovendo guerras e perseguições à Igreja. Os bons serão martirizados...”.
     A história revela-nos que Nossa Senhora não foi atendida e o comunismo, o socialismo, se espalhou como uma terrível peste pelo mundo todo.
     O socialismo com suas sangrentas revoluções e sua ideologia é um dos três castigos mencionados pela Virgem Maria, em 6 de agosto de 1936 no Estado de Pernambuco.
     Um outro castigo, o principal, o mais terrível, do qual os demais são mera conseqüência, mencionado em La Salette, Fátima e Brasil é a apostasia, a perda da Fé, com sua corrupção moral.
     Já mencionamos as palavras de Nossa Senhora aqui no Brasil e em Fátima; mencionaremos agora o que ela disse em La Salette: “ Os sacerdotes, ministros de meu Filho, os próprios sacerdotes, por suas más vidas, por suas irreverências e impiedades ao celebrar os Santos Mistérios, por seu amor ao dinheiro, as honras e aos prazeres converteram-se em cloacas (esgotos) de impureza (...) Deus vai castigar o mundo de uma maneira sem precedentes”.
     O cardeal Mario Luigi Ciappi disse, em março de 2002: “ No terceiro segredo (de Fátima) é predito, entre outras coisas, que a grande apostasia na Igreja começaria pela hierarquia”.


Veja o nosso maior líder hierárquico em vês de defender a fé, divulga o comunismo ateu.

Palavras do Papa modernista Francisco.
  

"Não há fogo no inferno é só uma metáfora da alma exilada (ou isolada), Adão e Eva não são reais”, diz Papa Francisco

A bíblia é um livro sagrado bonito, mas como todas as grandes obras antigas, algumas passagens estão desatualizadas.
 
”Todas as religiões são verdadeiras, porque elas são verdadeiras nos corações de todos aqueles que acreditam neles. Que outro tipo existe realmente? No passado, A igreja considerava muitas coisas como pecado que hoje já não são julgadas dessa maneira. Como um pai amoroso, nunca condena seus filhos. Nossa igreja é grande o suficiente para heterossexuais e homossexuais, por pró-vida e pró-escolha! Para os conservadores e liberais, até mesmo os comunistas são bem-vindos e se juntaram a nós. Todos nós amando e adorando o mesmo deus.Nos últimos seis meses , os cardeais, bispos e teólogos católicos têm debatido na Cidade do Vaticano sobre o futuro da Igreja e da redefinição das doutrinas católicas e seus dogmas.

   Estas afirmações tiram a fé de qualquer um.Principalmente de uma criança. Se no colégio a ciência modernista comunista nega Deus e o o papa modernista também diz escândalos.Como fica a cabeça de uma criança para entender que o comunismo ateu se espalhou pelo mundo como disse: Nossa Senhora em Fátima.  

 
Como o papa diz que são bem vindos os comunistas?
Sim.Escândalo.
 Papa Francisco disse isto mesmo.Contrariando toda a doutrina de sempre.

Nosso Senhor Jesus Cristo diz ao papa modernista que diz:

 bem vindos comunistas.

  Retira de mim, Satanás! Tu serve-me de escândalo, porque não tens a sabedoria das coisas de Deus, mas das coisas dos homens" (Mateus 16:23).

   Então sigam Nossa Senhora rezem o Sano Rosário para triunfo sobre o comunismo

 façam reparação por mais este escândalo.

 Divulguem.

 I. O QUE É O COMUNISMO E O QUE ELE ENSINA

 1 Que é o comunismo?
  O comunismo e uma seita internacional, que segue a doutrina de Karl Marx, e trabalha para destruir a sociedade humana baseada na, lei de Deus e no Evangelho, bem como para instaurar o reino de Satanás neste mundo, implantando um Estado ímpio e revolucionário, e organizando avida dos homens de sorte que se esqueçam de Deus e da eternidade.
2 Qual é a doutrina que a seita comunista ensina?
A seita comunista ensina a doutrina do mais completo materialismo.
3 Que ensina o materialismo comunista a, respeito de Deus?
O materialismo comunista ensina que Deus não existe, e que só existe a matéria.
4 Contenta-se a seita comunista em ensinar que não há Deus e que só existe a matéria?
A seita comunista dá grande importância a um materialismo pratico, em que o homem
cogita se Deus existe ou não, mas procede, pensa e organiza sua vida sem se incomodar com Deus nem se lembrar dEle. Assim; aos poucos chega também ao materialismo teórico.
O comunista verdadeiro é materialista teórico e prático, para poder levar seus prosélitos ao caminho aludido



 
Pedidos deste livro Catecismo anti-Comunista para: 
 lojinhadoconvento@gmail.com 
12,00 com o frete.
 
Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário