sábado, 22 de agosto de 2015

Dia 22 de agosto dia de São Timóteo, Hipólito e Sinforiano, Mártires

São Timóteo (em grego: Τιμόθεος - Timótheos, que significa "honrando a Deus"[1] ou "honrado por Deus"[2]) foi um bispo[carece de fontes] cristão do século I d.C. que morreu por volta do ano 80 d.C. O Novo Testamento indica que Timóteo esteve com Paulo de Tarso, que era seu mentor, durante as suas viagens missionárias. Ele é considerado como sendo o destinatário das Epístolas a Timóteo. Ele está listado como um dos Setenta Discípulos
Santo Hipólito" cidadão romano carreira da espada: a militar, nascido na capital, Roma e preparado por sua família para uma carreira das honras; Hipólito Entretanto, preferiu a Recusou ser questor na cidade de Óstia, e em ser nomeado edil na cidade de Prato, para ser soldado pretoriano. Sempre demonstrou predileção às jornadas bélicas às ofertas de seu tio Claudius, que era Cônsul em Roma para que participasse mais ativamente da vida pública, e dos pedidos de seu pai, Valerius Quintus, que freqüentasse mais o Fórum. Foi de seu agrado ser nomeado centurião da 3ª Legião de Félix, acantonada na cidade de Arpino, no Lácio, onde sua família tinha uma grande propriedade rural. Uma queda do seu cavalo força-lhe a se imobilizar pôr alguns meses, o que repousa a contra gosto e passa o tempo em apraz estudar. Alguns cronistas afirmam que sua simpatia pela causa cristã vem da época das campanhas que participou em Agrigento, onde lado a lado, esteve com vários adeptos que crescia até entre os soldados. Seu tutor de nome Orestes de Corinto, também era cristão. um soldado convertido por São Lourenço era o oficial encarregado de tomar conta de Lourenço, quando este estava na prisão, sendo por ele convertido e batizado por Lourenço, sobreviveu por um longo tempo no breviário romano, é acolhido como igual pela jovem comunidade da Sicília e seus membros no exílio.


 Em Autun, na Gália Lugdubense, São Simfoniano, mártir, que, como ele foi levado à execução, sua mãe, a partir da muralha da cidade, exortou-o com estas palavras: "Filho, filho, Simforiano, coloque o seu pensamento no Deus vivo. Hoje ele te mata, mas substituí-lo por um melhor "(s. III / IV).
Este jovem francês nascido em Autun no segundo século e morreu no terceiro.
Eles haviam realizado grandes celebrações em honra da deusa Cibele, a esposa do Tempo, a mãe de Júpiter, a Terra e para a agricultura. Ela levou em procissão pelas belas ruas de Autun. Sinforiano que estava descascando com o riso para ver este show.
Vendo que foi atingido e perturbado o normal desenvolvimento da procissão, o juiz mandou buscá-lo.
O juiz não sabia que ele era um jovem muito educado e pertencia a uma família cristã na cidade.
O juiz, nascido da inveja e raiva, ele foi condenado por duplo homicídio, que de sacrilégio e desobediência às leis imperiais. O jovem disse que a estátua de Cibele era apenas um demônio disfarçado.
Ele ficou tão ofendido o juiz que tinha lhe Heráclio flagelado e colocá-lo na cadeia. Tentativa, em boas maneiras, para convencê-lo. Não foi possível arranjo. Então, sem nenhuma razão, enviou-o a ser decapitado.
Como eu fui para a forca, ele ouviu sua mãe dizendo-lhe: ". Coragem, meu filho não jogue perder este mundo e ir para o paraíso."
Sinforiano virou a cabeça para o rosto alegre. A mãe teve a coragem de ver seu filho morrer para ser coerente com sua fé.