segunda-feira, 11 de julho de 2022

11 de julho dia de São Pio I,Papa e Martir.

11/07 Segunda-feira
Festa de Terceira Classe
Paramentos Brancos

  A Igreja  comemora no dia  11 de julho  a  festa  de  São Pio I,  sucessor  de  Santo Higino.  Era natural de Aquiléia,  cidade situada ao norte da Itália. Seu pai, Rufino, o educou na religião cristã, enviando-o posteriormente a Roma para aperfeiçoar-se na instrução das letras e da Santa Religião.  Desenvolveu-se tão bem nas santas virtudes que acabou sendo admitido em um colégio de clérigos regulares, onde se sobressaiu extraordinariamente pelo seu zelo e caridade.   O Papa Santo Higino, a quem sucederia após o martírio,  durante seu pontificado o consagrou bispo regional, exercendo funções de coadjutor no governo da Igreja.  Foi por isto que São Pio  acompanhou de perto as lutas  empreendidas  contra as  heresias de Valentino e Marción,  que culminou no martírio de Santo Higino. Ele  mesmo já lhe havia instruído na vigilância pastoral,  a fim de que zelasse para que a  semente do erro não se deixasse vingar em solo sagrado.   Após o martírio de Santo Higino, os fiéis romanos submeteram-se a  três  dias consecutivos de jejum e intensa oração para a escolha do novo Pontífice.  Eleito São Pio I,   assumiu com humildade e fé todas  suas  atribuições  divinas.  Testemunha  ocular das investidas do inimigo,  assumiu certo de que encontraria os mesmos obstáculos de seu predecessor,  aceitando o comando com a consciência de que também deveria receber o prêmio do martírio. Com muita determinação e empenho apostólicos, prosseguiu condenando as heresias de Valentino e Marción,  que continuava  infestando a cidade de Roma com sua doutrina maligna. Do  trabalho já empreendido anteriormente  por Santo Higino, conseguiu finalmente impedir que o erro se alastrasse danosamente. Seu sucesso provocou o ódio de alguns magistrados gentis que o denunciaram, mandando ao cárcere, onde foi submetido a  uma série de tormentos, tendo em seguida sido finalmente degolado.  Foi ele  o primeiro dos Papas  a  estabelecer  que  a celebração da Páscoa,  se  desse no primeiro domingo após a  lua cheia de março.  Proibiu também, com graves penas,  a  transferência dos bens da  Igreja.  Da mesma forma, coibiu a  negligência dos  sacerdotes na  celebração dos divinos ofícios e  na  administração da Eucaristia.  Seu irmão Hermas,  logo após seu martírio,  escreveu um livro intitulado "Pastor", um dos  mais antigos documentos dos Padres  Apostólicos. 
Peçamos a Deus pela intersecção do papa Pio I que nosso Papa Bento XVI tenha a mesma graça de defender a Santa Doutrina com seu próprio sangue em vez de se sentar junto com lideres de heresias,satanismos paganismos em reunião de Assis mas tenha a coragem heroica de defender a fé Tradicional até o derramamento do seu sangue. 

Intróito/ Sal. 26, 7 e 9.
Ouve, Senhor, a minha voz que te clama: sê a minha ajuda, não me abandones e não me desprezes, ó Deus, que operas a minha salvação.
Ps. ibid.,1.O Senhor é minha luz e minha salvação, a quem temerei?
V/. Glória Patri.

Coleta
Deus, Tu preparaste bens invisíveis para aqueles que Te amam: espalha em nossos corações o sentimento de Teu amor; para que, amando-Te em tudo e acima de tudo, possamos um dia obter aqueles bens que nos prometeste e que superam todos os nossos desejos.

Leitura da Epístola dos 


I São Pedro 3, 8-15
8 Finalmente, tende todos um só coração e uma só alma, sentimentos de amor fraterno, de misericórdia, de humildade. 9 Não pagueis mal com mal, nem injúria com injúria. Ao contrário, abençoai, pois para isto fostes chamados, para que sejais herdeiros da bênção. 10 Com efeito, quem quiser amar a vida e ver dias felizes, refreie sua língua do mal e seus lábios de palavras enganadoras; 11 aparte-se do mal e faça o bem, busque a paz e siga-a. 12 Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos e seus ouvidos, atentos a seus rogos; mas a força do Senhor está contra os que fazem o mal (Sl 33,13-17). 13 Se fordes zelosos do bem, quem vos poderá fazer mal? 14 E até sereis felizes, se padecerdes alguma coisa por causa da justiça! 
15 Portanto, não temais as suas ameaças e não vos turbeis. Antes santificai em vossos corações Cristo, o Senhor. Estai sempre prontos a responder para vossa defesa a todo aquele que vos pedir a razão de vossa esperança, mas fazei-o com suavidade e respeito. 

Gradual. Sal. 83, 10 e 9.GradualProtéctor noster, aspice, Deus e réspice super servos tuos.Ó Deus, nosso protetor, considere e olhe para seus servos.
V/. Dómine, Deus virtútum, exáudi preces servórum tuórum. Senhor, Deus dos exércitos, ouve as orações dos teus servos.
Aleluia, aleluia. Ps. 20, I Aleluia, aleluia.
V/. Dómine, em virtúte tua lætábitur rex: et super salutáre tuum exsultábit veheménter. Aleluia. V/. Senhor, o rei se alegrará com a tua força e se alegrará muito porque tu o salvaste. Aleluia.

Sequência do Santo Evangelho

São Mateus 5, 20-24
20 Digo-vos, pois, se vossa justiça não for maior que a dos escribas e fariseus, não entrareis no Reino dos céus. 21 Ouvistes o que foi dito aos antigos: Não matarás, mas quem matar será castigado pelo juízo do tribunal. 22 Mas eu vos digo: todo aquele que se irar contra seu irmão será castigado pelos juízes. Aquele que disser a seu irmão: Raca, será castigado pelo Grande Conselho. Aquele que lhe disser: Louco, será condenado ao fogo da geena. 23 Se estás, portanto, para fazer a tua oferta diante do altar e te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, 24 deixa lá a tua oferta diante do altar e vai primeiro reconciliar-te com teu irmão; só então vem fazer a tua oferta. 

Ofertório/Pr. 15, 7 e 8.
Bendirei o Senhor que me deu entendimento: cuidei de ter sempre o Senhor diante dos meus olhos, pois Ele está à minha direita, para que eu não seja abalado.

Secreta
Deixa-te comover, Senhor, pelas nossas súplicas; e recebe com bondade estas ofertas dos teus servos e dos teus servos; para que o que cada um ofereceu em honra do Teu Nome beneficie a todos para a salvação.

Praefatio de sanctissima Trinitate; non vero in feriis, quando adhibetur Missa huius dominicæ, sed tunc dicitur praefatio communis. Prefácio à Santíssima Trindade  ; mas nos feriados, quando é retomada a Missa daquele domingo, reza-se o Prefácio Comum .

Comunhão/Sal. 26, 4.
Há uma coisa que pedi ao Senhor, e só a buscarei: é habitar na casa do Senhor todos os dias da minha vida.(Quem não pode comungar em especie, fazer comunhão espiritual)

Nosso Senhor Jesus Cristo numa aparição revelou a sóror Paula Maresca, fundadora do convento de Sta. Catarina de Sena de Nápoles, como se refere na sua vida, e lhe mostrou dois vasos preciosos, um de ouro e outro de prata, dizendo-lhe que conservava no vaso de ouro suas comunhões sacramentais e no de prata as espirituais. As espirituais com dependência exclusiva da piedade de Nosso Senhor Jesus Cristo, que alimentais nossa alma na solidão do coração.
“Meu Jesus, eu creio que estais realmente presente no Santíssimo Sacramento do Altar. Amo-vos sobre todas as coisas, e minha alma suspira por Vós. Mas, como não posso receber-Vos agora no Santíssimo Sacramento, vinde, ao menos espiritualmente, a meu coração. Abraço-me convosco como se já estivésseis comigo: uno-me Convosco inteiramente. Ah! não permitais que torne a separar-me de Vós” (Santo Afonso Maria de Liguori)
 
Depois da comunhão.
Concede, rogamos-te, àqueles a quem saciaste com o dom celestial, para que sejamos purificados de nossas faltas ocultas e libertos das armadilhas de nossos inimigos.


Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dias o Santo Rosário