terça-feira, 24 de novembro de 2015

Musicas cabalista dentro das Igrejas Modernistas?

Sim.Não seguem a tradição católica sobre a Musica. V. Forma externa das composições sacras
10. As várias artes da Missa e Ofício devem conservar, até musicalmente, a forma que a tradição eclesiástica lhes deu, e que se encontra admiravelmente expressada no canto gregoriano. É, pois, diverso o modo de compor um Intróito, um Gradual, uma Antífona, um Salmo, um Hino, um Glória in excelsis, etc.


     A PALAVRA SHEKINÁH FOI TARDIAMENTE CRIADA PELO RABINISMO, NO ÂMBITO DO JUDAÍSMO TALMÚDICO CABALÍSTICO.

 Padre Zezinho neste  seguimento com esta musica com ritmo judaico.
Bem longe da musica sacra.

8.Shekinah Emanuel (Pe. Zezinho, Scj)

Refrão: Shekinah Emanuel
Deus desceu do céu
Visitou se revelou
Deus se revelou


Em varias seitas seitas protestantes como esta musica como dos Adventistas
 Musica de Fernando Iglesias - Shekinah
 Refrão:Eu quero receber a unção
Rendido aos teus pés no trono de adoração
Derrame sobre mim os teus dons
Eu quero adorar e receber teu perdão
Eu quero receber a tua Shekinah.
Tem congresso Shekinah
Tem grupos com esses nome.
http://1.bp.blogspot.com/_3V-LKbJ3yAI/S7pEQSPDeiI/AAAAAAAAAGg/MKxSnfypNT4/s1600/Shekinah+Rap+-+Logo.jpg 
A palavra shekinah nunca apareceu na Bíblia,  querem associar alusões à 'glória de Deus (shekinah)' em diversas passagens” isto é mais uma artimanha de satanás para usarem tal palavra.Os modernistas e protestantes vão seguindo e usando esta palavra.


Tem Radio.
 http://4.bp.blogspot.com/--JoFriKUZpQ/TW-vv_p3gLI/AAAAAAAAAJw/41iUMt8J6U0/s1600/anigif.gif
 Os judeus cabalistas começaram a utilizar esta palavra a partir do séc XIII, com o sentido de glória. Na Cabala esotérica, Shekinah é a essência do Ain Soph (o Deus Supremo da Cabala) que ficou preso em Malkuth (mundo físico), e corresponde à Shakti ou Kundalini da tradição esotérica oriental da Yoga. Para o livro cabalístico Zohar (livro do esplendor), a evolução do homem é um processo em que o polo feminino do Divino (Shekinah), presente na criação e no homem (Malkuth-mundo físico), se une ao pólo masculino da Divindade (Kether-manifestações que acontecem nas outras dimensões). 

Maçonaria há muito tempo elogiou a Cabala, e seus altos funcionários admitiram que rituais e ensinamentos da Loja  descendem da tradição judaica. Albert Pike , o ex-Soberano Grande Comendador do Rito Escocês escreveu: “Estou cheio de admiração, por penetrar no santuário da cabala”.  O quanto a Maçonaria deve à Cabala é ilustrado pelo estudo dos Cavaleiros de grau Kadosh (30 °).

http://mastermason.com/shekinah58/images/Masonic%20Images/New%20Lodge.jpg

Maçonaria é judia


Em 1855, o renomado rabino Isaac, o sábio escreveu:“A Maçonaria é uma instituição judaica, cuja história, notas, compromissos oficiais, senhas e explicações são judaica do começo ao fim.” 


O The Jewish Tribune newspaper, em 1927, em um editorial, declarou:


“A Maçonaria é baseada no judaísmo. Elimine os ensinamentos do judaísmo do ritual maçônico e o que resta?”


Rezem todos os dia Santo Rosário.