domingo, 3 de abril de 2022

Primeiro Domingo da Paixão.

03/04 1º Domingo da Paixão 
Festa de Primeira Classe
Paramentos Roxos

Então os judeus pegaram pedras e as atiraram em Jesus (Ev.)

Intróito/ Ps. 42, 1-2.
Quando eu tiver sido santificado em você, eu os reunirei de todos os países; e aspergirei água pura sobre vós, e sereis purificados de toda a vossa imundícia; e eu lhe darei um novo espírito.Ps. ibid., 3. Envie sua luz e sua verdade; eles me guiarão e me levarão ao teu santo monte e aos teus tabernáculos.V/. Glória Patri.

Coleta
Nós te pedimos, Deus Todo-Poderoso, olhe para seus filhos em sua misericórdia; concede-lhes a tua graça para que sejam governados em seus corpos, e cuida deles para que sejam mantidos em suas almas.

Leitura da Epístola de São Paulo aos   


Hebreus 9,11-15
11 Porém, já veio Cristo, Sumo Sacerdote dos bens vindouros. E através de um tabernáculo mais excelente e mais perfeito, não construído por mãos humanas (isto é, não deste mundo), 12 sem levar consigo o sangue de carneiros ou novilhos, mas com seu próprio sangue, entrou de uma vez por todas no santuário, adquirindo-nos uma redenção eterna. 13 Pois se o sangue de carneiros e de touros e a cinza de uma vaca, com que se aspergem os impuros, santificam e purificam pelo menos os corpos, 14 quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu como vítima sem mácula a Deus, purificará a nossa consciência das obras mortas para o serviço do Deus vivo? 15 Por isso ele é mediador do novo testamento. Pela sua morte expiou os pecados cometidos no decorrer do primeiro testamento, para que os eleitos recebam a herança eterna que lhes foi prometida.

Gradual/ Sal. 142, 9 e 10.
Livra-me dos meus inimigos, Senhor; ensina-me a fazer a tua vontade.
V /Sal. 17, 48-49.Tu me livras dos meus inimigos furiosos, Senhor; e tu me elevarás acima dos que se levantam contra mim; você me arrebatará das mãos do homem iníquo.

Tratados/ Sal. 128, 1-4.
Eles me atacaram muitas vezes desde a minha juventude.
V/. Deixe Israel dizer isso agora, eles me atacaram muitas vezes desde a minha juventude.
V/.Mas eles não prevaleceram contra mim; pecadores trabalharam nas minhas costas.
V/.Fizeram-me sentir durante muito tempo a sua injustiça: o Senhor é justo, cortará a cabeça dos pecadores.

Sequência do Santo Evangelho 

São João 8,46-59
46 Quem de vós me acusará de pecado? Se vos falo a verdade, por que me não credes? 47 Quem é de Deus ouve as palavras de Deus, e se vós não as ouvis é porque não sois de Deus. 48 Responderam então os judeus: Não dizemos com razão que és samaritano, e que estás possesso de um demônio? 49 Respondeu-lhes Jesus: Eu não estou possesso de demônio, mas honro a meu Pai. Vós, porém, me ultrajais! 50 Não busco a minha glória. Há quem a busque e ele fará justiça. 51 Em verdade, em verdade vos digo: se alguém guardar a minha palavra, não verá jamais a morte. 52 Disseram-lhe os judeus: Agora vemos que és possuído de um demônio. Abraão morreu, e também os profetas. E tu dizes que, se alguém guardar a tua palavra, jamais provará a morte... 53 És acaso maior do que nosso pai Abraão? E, entretanto, ele morreu... e os profetas também. Quem pretendes ser? 54 Respondeu Jesus: Se me glorifico a mim mesmo, a minha glória não é nada; meu Pai é quem me glorifica, aquele que vós dizeis ser o vosso Deus 55 e, contudo, não o conheceis. Eu, porém, o conheço e, se dissesse que não o conheço, seria mentiroso como vós. Mas conheço-o e guardo a sua palavra. 56 Abraão, vosso pai, exultou com o pensamento de ver o meu dia. Viu-o e ficou cheio de alegria. 57 Os judeus lhe disseram: Não tens ainda cinqüenta anos e viste Abraão!... 58 Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: antes que Abraão fosse, eu sou. 59 A essas palavras, pegaram então em pedras para lhas atirar. Jesus, porém, se ocultou e saiu do templo.

Ofertório/  Ps.118, 17 e 107.
Senhor, eu te celebrarei com todo o meu coração. Abençoe seu servo, eu viverei; e guardarei suas palavras. Faz-me viver segundo a tua palavra, Senhor.

Secreta
Rogamos-te, Senhor, que estes dons nos arranquem das amarras da nossa perversidade e obtenham para nós os efeitos da tua misericórdia. Por Nosso Senhor. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.

Prefácio de Cruce; quæ dicitur usque ad Feriam V in Cena Domini inclusive, iuxta Rubricas. Prefácio à Santa Cruz .
 
Comunhão/ 1 Cor. 11, 24 e 25.
Este é o meu corpo que será entregue por vós: o cálice é a nova aliança no meu sangue, diz o Senhor; faça isso em memória de mim, sempre que você tomá-lo.(Quem não pode comungar em especie, fazer comunhão espiritual)

Nosso Senhor Jesus Cristo numa aparição revelou a sóror Paula Maresca, fundadora do convento de Sta. Catarina de Sena de Nápoles, como se refere na sua vida, e lhe mostrou dois vasos preciosos, um de ouro e outro de prata, dizendo-lhe que conservava no vaso de ouro suas comunhões sacramentais e no de prata as espirituais. As espirituais com dependência exclusiva da piedade de Nosso Senhor Jesus Cristo, que alimentais nossa alma na solidão do coração.
“Meu Jesus, eu creio que estais realmente presente no Santíssimo Sacramento do Altar. Amo-vos sobre todas as coisas, e minha alma suspira por Vós. Mas, como não posso receber-Vos agora no Santíssimo Sacramento, vinde, ao menos espiritualmente, a meu coração. Abraço-me convosco como se já estivésseis comigo: uno-me Convosco inteiramente. Ah! não permitais que torne a separar-me de Vós” (Santo Afonso Maria de Liguori)
 
Depois da comunhão.
Assiste-nos, Senhor nosso Deus, e defende com socorro incessante aqueles cuja força elevaste por meio de teus mistérios. Por Nosso Senhor.

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dias o Santo Rosário.