domingo, 17 de abril de 2022

Pascoa.Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo.

17/04 Domingo de Páscoa
Festa de Primeira Classe
Paramentos  Brancos

Intróito/Ps. 1 38, 18 e 5-6.
Eu ressuscitei, e ainda estou com você, Aleluia: Você colocou sua mão sobre mim, Aleluia; Sua sabedoria tem feito maravilhas, aleluia, aleluia.
Ps. ibid., 1-2.Senhor, Tu me provaste e me conheces: testemunhaste a minha morte e a minha ressurreição.
V/. Glória Patri.

Coleta
Ó Deus, que neste dia, pela vitória de seu único Filho sobre a morte, abriu para nós a entrada para a eternidade: assista com sua ajuda os desejos que você nos inspira, impedindo-nos por meio de sua graça.

Leitura da Epístola de São Paulo

I Cartas aos Coríntios 5, 7-8

7.Purificai-vos do velho fermento, para que sejais massa nova, porque sois pães ázimos, porquanto Cristo, nossa Páscoa, foi imolado.
8.Celebremos, pois, a festa, não com o fermento velho nem com o fermento da malícia e da corrupção, mas com os pães não fermentados de pureza e de verdade.

Gradual/Sal. 117, 24 e 1.
Este é o dia que o Senhor fez, vamos gastá-lo com alegria e alegria.
V/. Confitémini Dómino, quóniam bonus: quóniam in sǽculum misericórdia eius.
V/. Celebre o Senhor porque ele é bom, porque sua misericórdia é eterna.
Aleluia, aleluia. V/. 1 Cor 5.7 Pascha nostrum immolátus est Christus.
Aleluia, aleluia. V/. Cristo, nossa Páscoa, foi morto.
Sequência.Seqüência.
V íctimæ pascháli laudes imola Christiáni. À vítima da Páscoa, que os cristãos imolem louvores.
A gnus redemit oves: Christus ínnocens Patri reconciliavit peccatóres. O Cordeiro redimiu as ovelhas: o inocente Cristo reconciliou os pecadores com seu Pai.
Mors et vita duelo conflixére mirando: dux vitae mórtuus regnat vivus. Vida e morte se enfrentaram em um duelo prodigioso: o Autor da vida estava morto, ele reina vivo.
D ic nobis, María, quid vidísti in via? Conte-nos, Mary, o que você viu no caminho?
S epúlcrum Christi vivéntis et glóriam vidi resurgéntis. Vi o túmulo do Cristo vivo e a glória do ressuscitado.
Testes ngélicos , sudárium e jaquetas.Eu vi as testemunhas angelicais, a mortalha e as mortalhas.
Surréxit Christus, spes mea: præcédet vos in Galilǽam.Ele ressuscitou, Cristo, minha esperança: Ele irá adiante de você para a Galiléia.
S cimus Christum surrexísse a mórtuis vere: tu nobis, victor Rex, miserére. Um homem. Aleluia.Sabemos disso: Cristo ressuscitou dos mortos: Ó Tu, Rei vitorioso, tem piedade de nós. Um homem. Aleluia.

¶ Sequentia dicitur usque ad Sabbatum in Albis inclusive.
¶ A Sequência é dita até sábado em Albis incluso.

Sequência do Santo Evangelho 

São Marcos 16, 1-7

1.Passado o sábado, Maria Madalena, Maria, mãe de Tiago, e Salomé compraram aromas para ungir Jesus. 2.E no primeiro dia da semana, foram muito cedo ao sepulcro, mal o sol havia despontado. 3.E diziam entre si: Quem nos há de remover a pedra da entrada do sepulcro? 4.Levantando os olhos, elas viram removida a pedra, que era muito grande. 5.Entrando no sepulcro, viram, sentado do lado direito, um jovem, vestido de roupas brancas, e assustaram-se. 6.Ele lhes falou: Não tenhais medo. Buscais Jesus de Nazaré, que foi crucificado. Ele ressuscitou, já não está aqui. Eis o lugar onde o depositaram. 7.Mas ide, dizei a seus discípulos e a Pedro que ele vos precede na Galiléia. Lá o vereis como vos disse.

Ofertório/  Sal. 75, 9-10.
A terra tremeu e ficou em silêncio quando Deus se levantou para fazer justiça, aleluia.

Secreta
Recebe, Senhor, as orações do teu povo com a oblação deste sacrifício: que inaugurado pelos mistérios da Páscoa, possa servir-nos por tua ação como remédio para a eternidade.Por Nosso Senhor.

Prefácio de Páscoa
Infra Actionem Communicantes e Hanc ígitur oblatiónem propria.No Cânon são próprios os Communicantes e os Hanc ígitur oblatiónem.
Et sic dicitur usque ad Sábbatum in Albis inclusive.E o mesmo até sábado em Albis incluído.
 
Comunhão/1. Cor. 5, 7-8.
Cristo, nossa páscoa, foi imolado, aleluia; assim comamos com os ázimos da sinceridade e da verdade, aleluia, aleluia.(Quem não pode comungar em especie, fazer comunhão espiritual)

Nosso Senhor Jesus Cristo numa aparição revelou a sóror Paula Maresca, fundadora do convento de Sta. Catarina de Sena de Nápoles, como se refere na sua vida, e lhe mostrou dois vasos preciosos, um de ouro e outro de prata, dizendo-lhe que conservava no vaso de ouro suas comunhões sacramentais e no de prata as espirituais. As espirituais com dependência exclusiva da piedade de Nosso Senhor Jesus Cristo, que alimentais nossa alma na solidão do coração.
“Meu Jesus, eu creio que estais realmente presente no Santíssimo Sacramento do Altar. Amo-vos sobre todas as coisas, e minha alma suspira por Vós. Mas, como não posso receber-Vos agora no Santíssimo Sacramento, vinde, ao menos espiritualmente, a meu coração. Abraço-me convosco como se já estivésseis comigo: uno-me Convosco inteiramente. Ah! não permitais que torne a separar-me de Vós” (Santo Afonso Maria de Liguori)
 
Depois da comunhão.
Derrama sobre nós, ó Senhor, o Espírito de tua caridade: e por tua bondade, unifica em harmonia aqueles que encheste destes mistérios pascais.

¶ Post Dóminus vobíscum dicitur: Ite, Missa est, allelúia, allelúia. ¶ Depois do Dóminus vobíscum dizemos: Ite, Missa est, allelúia, allelúia.
R/. Deo grátias, alelúia, alelúia. R/. Deo grátias, alelúia, alelúia.
Et sic dicitur usque ad Sabbatum in Albis inclusive, iuxta Rubricas.E o mesmo até sábado em Albis incluído.

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dias o Santo.