quarta-feira, 10 de agosto de 2022

10 de agosto dia de São Lorenço

 10/08 Quarta-feira
Festa de Segunda Classe 
   Paramentos Vermelhos
São Lourenço sofreu o martírio durante a perseguição de Valeriano, em 258. Era o primeiro dos sete diáconos da Igreja romana. A sua função era muito importante o que fazia com que, depois do Papa, fosse o primeiro responsável pelas coisas da Igreja. Como diácono, São Lourenço tinha o encargo de assistir o papa nas celebrações; administrava os bens da Igreja, dirigia a construção dos cemitérios, olhava pelos necessitados, pelos órfãos e viúvas. Foi executado quatro dias depois da morte de Xisto II e de seus companheiros.
O seu culto remonta ao século IV.
Preso, foi intimado a comparecer diante do prefeito Cornelius Saecularis, a fim de prestar contas dos bens e das riquezas que a Igreja possuía. Pediu, então, um prazo para fazê-lo, dizendo que tudo entregaria. Confessou que a Igreja era muito rica e que a sua riqueza ultrapassava a do imperador. Foram-lhe concedidos três dias. São Lourenço reuniu os cegos, os coxos, os aleijados, toda sorte de enfermos, crianças e velhos. Anotou-lhes os nomes ... Indignado, o governador concedeu-o a um suplício especialmente cruel: amarrado sobre uma grelha, foi assado vivo e lentamente. No meio dos tormentos mais atrozes, ele conservou o seu "bom humor cristão". Dizia ao carrasco: "Vira-me, que deste lado já está bem assado ... Agora está bom, está bem assado. Podes comer!..."
Roma cristã venera o hispano Lourenço com a mesma veneração e respeito com que honra os primeiros apóstolos. Depois de São Pedro e São Paulo, a festa de São Lourenço foi a maior da antiga liturgia romana. O que foi Santo Estêvão em Jerusalém, foi São Lourenço em Roma.

Intróito/Sal. 111, 9.
Ele espalha sua generosidade, ele dá aos pobres: sua justiça permanece de geração em geração: seu poder será exaltado na glória.
Ps. Ibid., 1.Bem-aventurado o homem que teme ao Senhor: que se deleita em seus mandamentos.
V/. Glória Patri.

Coleta
Ouvi as nossas súplicas, Senhor: e por intercessão do Beato Lourenço, vosso Mártir, cuja festa aguardamos, fazei-nos sentir com benevolência os efeitos da vossa misericórdia.

E comemoração S. Romani Martyris:
Oratio.Præsta, quǽsumus, omnipotens Deus: ut, intercedente beáto Románo Mártyre tuo, et a cunctis adversitátibus liberémur in corpore, et a pravis cogitatiónibus mundémur in mente. Per Dominum nostrum.Concede, Deus Todo-Poderoso, que pela intercessão do bem-aventurado Romano, teu Mártir, sejamos libertados de todas as adversidades corporais, e nossas almas purificadas de todos os maus pensamentos.

Leitura da Epístola dos

II Coríntios 9,6-10
 6Convém lembrar: aquele que semeia pouco, pouco ceifará. Aquele que semeia em profusão, em profusão ceifará.7Dê cada um conforme o impulso do seu coração, sem tristeza nem constrangimento. Deus ama o que dá com alegria.8Poderoso é Deus para cumular-vos com toda a espécie de benefícios, para que tendo sempre e em todas as coisas o necessário, vos sobre ainda muito para toda espécie de boas obras.9Como está escrito: Espalhou, deu aos pobres, a sua justiça subsiste para sempre (Sl 111,9).10Aquele que dá a semente ao semeador e o pão para comer, vos dará rica sementeira e aumentará os frutos da vossa justiça.

Gradual. Sal. 111, 9 e 2.Dispersar, dedit pauperibus: iustítia eius manet in sǽculum sǽculi. Ele espalha sua generosidade, ele dá aos pobres: sua justiça permanece de geração em geração.
V/. Potens in terra erit semen eius: generátio rectórum benedicétur. V/. Sua raça será poderosa na terra: os descendentes dos justos serão abençoados.
 
Sequência do Santo Evangelho
 
São João 12,24-26
4Em verdade, em verdade vos digo: se o grão de trigo, caído na terra, não morrer, fica só; se morrer, produz muito fruto.25Quem ama a sua vida, perdê-la-á; mas quem odeia a sua vida neste mundo, conservá-la-á para a vida eterna.26
Se alguém me quer servir, siga-me; e, onde eu estiver, estará ali também o meu servo. Se alguém me serve, meu Pai o honrará.

Ofertório/ Jacó 16, 20.
A minha verdade e a minha misericórdia estarão com ele; e pelo Meu Nome se exaltará o seu poder.

Secreta
Recebe favoravelmente, Senhor, as hóstias que te oferecemos e, por intercessão do bem-aventurado Lourenço, teu mártir, liberta-nos das amarras dos nossos pecados.

Pro S.Romano
secretaMunéribus nostris, quǽsumus, Dómine, precibúsque suscéptis: et cæléstibus nos munda mystériis, et clementer exáudi. Per Dominum nostrum. Tendo recebido nossos dons e nossas orações, nós te imploramos, Senhor, purifica-nos por estes mistérios celestes, e ouve-nos em tua clemência.


Comunhão/São Matheus. 16, 24.
Se alguém quer vir após mim, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.(Quem não pode comungar em especie, fazer comunhão espiritual)

Nosso Senhor Jesus Cristo numa aparição revelou a sóror Paula Maresca, fundadora do convento de Sta. Catarina de Sena de Nápoles, como se refere na sua vida, e lhe mostrou dois vasos preciosos, um de ouro e outro de prata, dizendo-lhe que conservava no vaso de ouro suas comunhões sacramentais e no de prata as espirituais. As espirituais com dependência exclusiva da piedade de Nosso Senhor Jesus Cristo, que alimentais nossa alma na solidão do coração.
“Meu Jesus, eu creio que estais realmente presente no Santíssimo Sacramento do Altar. Amo-vos sobre todas as coisas, e minha alma suspira por Vós. Mas, como não posso receber-Vos agora no Santíssimo Sacramento, vinde, ao menos espiritualmente, a meu coração. Abraço-me convosco como se já estivésseis comigo: uno-me Convosco inteiramente. Ah! não permitais que torne a separar-me de Vós” (Santo Afonso Maria de Liguori)
 
Depois da comunhão.
 Dá-nos, rogamos, Senhor nosso Deus, que possamos, como nos regozijamos em nosso dever temporal de comemorar o Bem-aventurado Lourenço, seu Mártir, igualmente cheios de alegria em vê-lo para sempre.

Pro S.Romano
Quǽsumus, omnipotens Deus: ut, qui cæléstia aliménta percépimus, intercedente beáto Románo Mártyre tuo, per hæc contra ómnia advérsa muniámur. Per Dominum nostrum.Nós vos suplicamos, ó Deus Todo-Poderoso, que tendo recebido um alimento todo-celeste e que o bem-aventurado Romano, vosso Mártir, intercedendo por nós, possamos, graças à sua ajuda, ser equipados contra todas as adversidades.


                                     Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dias o Santo Rosário