domingo, 25 de setembro de 2022

Decimo Sexto Domingo depois de Pentecoste

25/09 Domingo e Pentecostes
Festa de Segunda Classe
Paramentos Verdes
Intróito/Sal. 85, 3 e 5.
Tem misericórdia de mim, Senhor, porque eu clamei a ti o dia todo, e porque tu, Senhor, és bondoso e gentil, e derramas tuas misericórdias abundantemente sobre todos os que te invocam.
Ps. ibid., 1.Inclina o teu ouvido para mim, Senhor, e ouve-me porque sou fraco e pobre.
V/. Glória Patri.

Coleta
Rogamos a Ti, Senhor, que tua graça sempre nos avise e nos acompanhe, e que nos permita ser constantemente aplicados às boas obras.

Leitura da Epístola dos  

Efésios 3, 13-21 
13.Por isso vos rogo que não desfaleçais nas minhas tribulações que sofro por vós: elas são a vossa glória.14.Por esta causa dobro os joelhos em presença do Pai,15.ao qual deve a sua existência toda família no céu e na terra,16.para que vos conceda, segundo seu glorioso tesouro, que sejais poderosamente robustecidos pelo seu Espírito em vista do crescimento do vosso homem interior.17.Que Cristo habite pela fé em vossos corações, arraigados e consolidados na caridade,18.a fim de que possais, com todos os cristãos, compreender qual seja a largura, o comprimento, a altura e a profundidade,19.isto é, conhecer a caridade de Cristo, que desafia todo o conhecimento, e sejais cheios de toda a plenitude de Deus.20.Àquele que, pela virtude que opera em nós, pode fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou entendemos,21.a ele seja dada glória na Igreja, e em Cristo Jesus, por todas as gerações de eternidade. Amém.

Gradual.Sal. 101, 16-17.Timébunt gentes nomen tuum, Dómine, et omnes reges terræ glóriam tuam. As nações temerão o teu nome, Senhor, e todos os reis da terra, a tua glória.V/. Quóniam ædificávit Dóminus Sion, et vidébitur in maiestáte sua. Porque o Senhor construiu Sião e será vista em sua majestade.Aleluia, aleluia. V/. Sal. 97, 1.Aleluia, aleluia.
Cantáte Dómino canticum novum: quia mirabília fecit Dóminus. Aleluia. Cante um novo cântico ao Senhor, porque ele fez coisas maravilhosas. Aleluia.

Sequência do Santo Evangelho

São Lucas 14,1-11                                                                        
1.Jesus entrou num sábado em casa de um fariseu notável, para uma refeição; eles o observavam.2.Havia ali um homem hidrópico.3.Jesus dirigiu-se aos doutores da lei e aos fariseus: É permitido ou não fazer curas no dia de sábado?4.Eles nada disseram. Então Jesus, tomando o homem pela mão, curou-o e despediu-o.5.Depois, dirigindo-se a eles, disse: Qual de vós que, se lhe cair o jumento ou o boi num poço, não o tira imediatamente, mesmo em dia de sábado?6.A isto nada lhe podiam replicar. 7.Observando também como os convivas escolhiam os primeiros lugares, propôs-lhes a seguinte parábola:8.Quando fores convidado às bodas, não te sentes no primeiro lugar, pois pode ser que seja convidada outra pessoa de mais consideração do que tu,9.e vindo o que te convidou, te diga: Cede o lugar a este. Terias então a confusão de dever ocupar o último lugar.10.Mas, quando fores convidado, vai tomar o último lugar, para que, quando vier o que te convidou, te diga: Amigo, passa mais para cima. Então serás honrado na presença de todos os convivas.11.Porque todo aquele que se exaltar será humilhado, e todo aquele que se humilhar será exaltado.

Ofertório/Pr. 39, 14 e 15.
Senhor, por favor me ajude. Que aqueles que procuram tirar minha vida sejam confundidos e temerosos. Senhor, procure ajuda.

Secreta
Nós vos suplicamos, Senhor, purificai-nos pelo efeito do presente sacrifício e, mostrando-nos misericórdia, fazei-nos merecer participar dele.

Praefatio de sanctissima Trinitate; non vero in feriis, quando adhibetur Missa huius dominicæ, sed tunc dicitur præfatio communis. Prefácio à Santíssima Trindade  ; mas nos feriados, quando é retomada a Missa daquele domingo, reza-se o Prefácio Comum .

Comunhão/   Sal. 70, 16-17 e 18.
Senhor, eu me lembrarei de sua justiça somente para você; Ó Deus, tu me ensinaste desde a minha juventude, até a minha velhice e até o declínio das minhas forças, ó Deus, não me abandones.(Quem não pode comungar em especie, fazer comunhão espiritual)

Nosso Senhor Jesus Cristo numa aparição revelou a sóror Paula Maresca, fundadora do convento de Sta. Catarina de Sena de Nápoles, como se refere na sua vida, e lhe mostrou dois vasos preciosos, um de ouro e outro de prata, dizendo-lhe que conservava no vaso de ouro suas comunhões sacramentais e no de prata as espirituais. As espirituais com dependência exclusiva da piedade de Nosso Senhor Jesus Cristo, que alimentais nossa alma na solidão do coração.
“Meu Jesus, eu creio que estais realmente presente no Santíssimo Sacramento do Altar. Amo-vos sobre todas as coisas, e minha alma suspira por Vós. Mas, como não posso receber-Vos agora no Santíssimo Sacramento, vinde, ao menos espiritualmente, a meu coração. Abraço-me convosco como se já estivésseis comigo: uno-me Convosco inteiramente. Ah! não permitais que torne a separar-me de Vós” (Santo Afonso Maria de Liguori)
 
Depois da comunhão.
Nós vos suplicamos, Senhor, dignai-vos, em vossa bondade, purificar e renovar nossas almas por vossos sacramentos celestes, para que também recebamos deles para nossos corpos uma ajuda que nos servirá tanto para o presente como para o futuro.


 Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dias o Santo Rosário