quarta-feira, 29 de junho de 2022

Dia 29 de junho dia São Pedro e São Paulo

29/06 Quarta-feira
Festa de Primeira Classe
Paramentos Vermelhos
http://www.introibo.fr/IMG/jpg/0629commSPP2.jpg

A Festa de São Pedro e São Paulo, também chamada de Solenidade dos Santos Pedro e Paulo, é uma festa litúrgica em honra ao martírio em Roma dos apóstolos São Pedro e São Paulo, que é observada em 29 de junho. A celebração tem origem muito antiga, sendo a data escolhida sendo ou o aniversário da morte ou do translado das relíquias.
http://img46.xooimage.com/files/7/d/d/saint-pierre-prin...s-ap-tres-5a4f3c.jpgSão Pedro (~ 10 a.C. – 67) Discípulo de Jesus nascido em Betsaida, Galiléia, conhecido como o Príncipe dos Apóstolos e fundador da Igreja Cristã em Roma e  primeiro Papa. As principais fontes de informação sobre sua vida são os quatro Evangelhos (Mateus, Marcos, Lucas e João), onde aparecem com destaque em todas as narrativas evangélicas, os Atos dos Apóstolos, as epístolas de Paulo e as duas epístolas do próprio apóstolo. Filho de Jonas e irmão do apóstolo André, seu nome original era Simão e na época de seu encontro com Cristo morava em Cafarnaum, com a família da mulher (Lc 4,38-39). Pescador, tal como os apóstolos Tiago e João, trabalhava com o irmão e o pai e foi apresentado a Jesus por seu irmão, em Betânia, onde tinha ido conhecer o Cristo, por indicação de João Batista. No primeiro encontro Jesus o chamou de Cefas, que siginificava pedra, em aramaico, determinando, assim, ser ele o apóstolo escolhido para liderar os primeiros propagadores da fé cristã pelo mundo. Jesus, além de muda-lhe o nome, o escolheu como chefe da cristandade aqui na terra: “E eu te digo: Tu és pedra e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela. E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares sobre a terra, será ligado também nos céus” (Mt. 16: 18-19). Convertido, despontou como líder dos doze apóstolos, foi o primeiro a perceber em Jesus o filho de Deus. Junto com seu irmão e os irmãos Tiago e João Evangelista, fez parte do círculo íntimo de Jesus entre os doze, participando dos mais importante milagres do Mestre sobre a terra. Teve, também, seus momentos controvertidos, como quando usou a espada para defender Jesus e na passagem da tripla negação, e de consagração, pois foi a ele que Cristo apareceu pela primeira vez depois de ressuscitar. Após a Ascensão, presidiu a assembléia dos apóstolos que escolheu Matias para substituir Judas Iscariotes(traidor), fez seu primeiro sermão no dia de Pentecostes e peregrinou por várias cidades. Fundou as linhas apostólicas de Antióquia e Síria (as mais antigas sucessões do Cristianismo, precedendo as de Roma em vários anos) que sobrevivem em várias ortodoxias Sírias. Encontrou-se com São Paulo, ou Paulo de Tarso, em Jerusalém, e apoiou a iniciativa deste, de incluir os não judeus na fé cristã, sem obrigá-los a participarem dos rituais de iniciação judaica. Após esse encontro, foi preso por ordem do rei Agripa I, encaminhado à Roma durante o reinado de Nero, onde passou a viver. Ali fundou e presidiu à comunidade cristã, base da Igreja Católica Romana, e, por isso, segundo a tradição, foi executado por ordem de Nero. Conta-se, também, que pediu para ser crucificado de cabeça para baixo, por se julgar indígno de morrer na mesma posição de Cristo. Seu túmulo se encontra sob a catedral de S. Pedro, no Vaticano, e é autenticado por muitos historiadores.
http://p6.storage.canalblog.com/65/27/249840/34402223.jpgSão Paulo (~ 10 – 67)  e 29 de junho, o dia de sua morte. São Paulo, que foi arrebatado para o colégio apostólico de Jesus Cristo na estrada de Damasco, como o instrumento eleito para levar o seu nome diante dos povos, é o maior missionário de todos os tempos, o advogado dos pagãos, o "Apóstolo dos Gentios". São Pedro e são Paulo, juntos, fizeram ressoar a mensagem do Evangelho no mundo inteiro e o farão para todo o sempre, porque assim quer o Mestre.



Intróito/Atos. 12, 11.
Agora reconheço com certeza que o Senhor enviou seu anjo: que ele me arrebatou da mão de Herodes e de toda a expectativa do povo judeu.
Sal. 138, 1-2.Senhor, tu me sondas e me conheces: sabes quando me sento e quando me levanto.
V/. Glória Patri.

Coleta
Deus, tu consagraste este dia pelo martírio de teus apóstolos São Pedro e São Paulo: dá graça à tua Igreja para seguir em tudo o preceito daqueles por quem começou a religião.

Leitura da Epístola dos 

Atos dos Apóstolos 12, 1-11             
   1.Por aquele mesmo tempo, o rei Herodes mandou prender alguns membros da Igreja para os maltratar.2.Assim foi que matou à espada Tiago, irmão de João.3.Vendo que isto agradava aos judeus, mandou prender Pedro. Eram então os dias dos pães sem fermento.4.Mandou prendê-lo e lançou-o no cárcere, entregando-o à guarda de quatro grupos, de quatro soldados cada um, com a intenção de apresentá-lo ao povo depois da Páscoa.5.Pedro estava assim encerrado na prisão, mas a Igreja orava sem cessar por ele a Deus.6.Ora, quando Herodes estava para o apresentar, naquela mesma noite dormia Pedro entre dois soldados, ligado com duas cadeias. Os guardas, à porta, vigiavam o cárcere.7.De repente, apresentou-se um anjo do Senhor, e uma luz brilhou no recinto. Tocando no lado de Pedro, o anjo despertou-o: Levanta-te depressa, disse ele. Caíram-lhe as cadeias das mãos.8.O anjo ordenou: Cinge-te e calça as tuas sandálias. Ele assim o fez. O anjo acrescentou: Cobre-te com a tua capa e segue-me.9.Pedro saiu e seguiu-o, sem saber se era real o que se fazia por meio do anjo. Julgava estar sonhando.10.Passaram o primeiro e o segundo postos da guarda. Chegaram ao portão de ferro, que dá para a cidade, o qual se lhes abriu por si mesmo. Saíram e tomaram juntos uma rua. Em seguida, de súbito, o anjo desapareceu.11.Então Pedro tornou a si e disse: Agora vejo que o Senhor mandou verdadeiramente o seu anjo e me livrou da mão de Herodes e de tudo o que esperava o povo dos judeus.  
Gradual.Sal.44,17-18.GradualConstitui eos príncipes super omnem terram: memoria erunt nóminis tui. Dominado. Tu os farás príncipes em toda a terra: eles se lembrarão do teu nome de geração em geração, Senhor.V/. Pro pátribus tuis nati sunt tibi fílii: proptérea pópuli confítebúntur tibi.V/. No lugar de seus pais, filhos nasceram para você: é por isso que os povos vão te louvar.Aleluia, aleluia.V/.Matt. 16, 18. Você é Petrus, et super hanc petram ædificábo Ecclésiam meam. Aleluia.Aleluia, aleluia. V/. Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja. Aleluia.

Sequência do Santo Evangelho
São Mateus 16,13-19
13.Chegando ao território de Cesaréia de Filipe, Jesus perguntou a seus discípulos: No dizer do povo, quem é o Filho do Homem?14.Responderam: Uns dizem que é João Batista; outros, Elias; outros, Jeremias ou um dos profetas.15.Disse-lhes Jesus: E vós quem dizeis que eu sou?16.Simão Pedro respondeu: Tu és o Cristo, o Filho de Deus vivo!17.Jesus então lhe disse: Feliz és, Simão, filho de Jonas, porque não foi a carne nem o sangue que te revelou isto, mas meu Pai que está nos céus.18.E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra ela.19.Eu te darei as chaves do Reino dos céus: tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.

Ofertório/Sal. 44. 17-18.
Tu os farás príncipes sobre toda a terra: eles se lembrarão do Teu nome de geração em geração.

Secreta
Estas hóstias que te oferecemos, Senhor, como consagradas à glória do Teu nome, sejam acompanhadas pela oração dos teus apóstolos, pela qual nos concederás perdão e proteção.

Comunhão/ São Matheus. 16, 18.
Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja.
(Quem não pode comungar em especie, fazer comunhão espiritual)

Nosso Senhor Jesus Cristo numa aparição revelou a sóror Paula Maresca, fundadora do convento de Sta. Catarina de Sena de Nápoles, como se refere na sua vida, e lhe mostrou dois vasos preciosos, um de ouro e outro de prata, dizendo-lhe que conservava no vaso de ouro suas comunhões sacramentais e no de prata as espirituais. As espirituais com dependência exclusiva da piedade de Nosso Senhor Jesus Cristo, que alimentais nossa alma na solidão do coração.
“Meu Jesus, eu creio que estais realmente presente no Santíssimo Sacramento do Altar. Amo-vos sobre todas as coisas, e minha alma suspira por Vós. Mas, como não posso receber-Vos agora no Santíssimo Sacramento, vinde, ao menos espiritualmente, a meu coração. Abraço-me convosco como se já estivésseis comigo: uno-me Convosco inteiramente. Ah! não permitais que torne a separar-me de Vós” (Santo Afonso Maria de Liguori)
 
Depois da comunhão.
Senhor, por intercessão de teus apóstolos, defende de todas as adversidades aqueles que tens nutrido com comida celestial.

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dias o Santo Rosário